sexta-feira, 21 de maio de 2010 | By: Maria Manuel Magalhaes

Os autores do maior bestseller nórdico dos últimos tempos vão estar em Portugal nos próximos dias 16 e 17 de Junho.

Alexander Ahndoril e Alexandra Coleho Ahndoril, a dupla de escritores suecos que assinaram, sob o pseudónimo Lars Kepler, o mais aclamado policial nórdicos dos últimos tempos, vêm a Portugal nos próximos dias 16 e 17 de Junho.
Nas livrarias portuguesas desde ontem, O Hipnotista, considerado pela crítica como o sucessor natural de Stieg Larson, é um livro carregado de suspense, que encerra um mistério de estranhos e inesperados contornos. Os direitos de tradução de O Hipnotista foram vendidos para 29 países e a sua adaptação para o cinema será feita pela Svensk Filmindustri, em co-produção com a Sonet Film.

A obra de Kepler introduz-nos Erik Maria Bark: o mais famoso hipnotista da Suécia. Acusado de falta de ética, e com o casamento à beira do colapso, jurou publicamente nunca mais praticar a hipnose nos seus pacientes e há dez anos que se mantém fiel à sua promessa. Até agora.
Em Estocolmo, uma família é brutalmente assassinada e a única testemunha está internada no hospital em estado de choque; Josef Ek, de apenas 15 anos, presenciou o massacre dos seus pais e da irmã mais nova, sendo ele próprio encontrado numa poça de sangue, vivo por milagre.
Nessa mesma noite, Erik Maria Bark recebe um telefonema do comissário Joona Linna solicitando os seus serviços – urge descobrir a identidade do assassino e para tal Josef deverá ser hipnotizado. Erik aceita a missão com relutância, longe de imaginar que o que vai encontrar pela frente é um pesadelo capaz de ultrapassar os seus piores receios.
Dias mais tarde, o seu filho de 15 anos, Benjamin, é sequestrado da própria casa. Haverá uma ligação entre estes dois casos? Para salvar a vida de Benjamin, o hipnotista deverá enfrentar os fantasmas do seu passado e mergulhar nas mentes mais sombrias e perversas que jamais poderia imaginar; o que tinha por difuso revela-se abominável, o que tinha por suspeito surge como demoníaco. Para Erik, a contagem regressiva já começou.
quinta-feira, 20 de maio de 2010 | By: Maria Manuel Magalhaes

Porto Editora: I Encontro Internacional de Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especiais nos próximos dias 28 e 29 Maio

Especialista norte-americana em Educação Especial na Universidade do Minho

Sharon Vaughn participa no I Encontro Internacional de Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especiais, apoiado pela Porto Editora.

Organizado pelo Centro de Investigação em Educação da Universidade do Minho, em parceria com a Porto Editora, o I Encontro Internacional de Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especiais decorre nos próximos dias 28 e 29 de Maio, no Campus de Gualtar, em Braga. O evento contará, entre outros, com a participação de Sharon Vaugh, destacada especialista norte-americana nas áreas de Educação Inclusiva, Dificuldades de Aprendizagem Específicas e Problemas de Comportamento.
Ao longo de dois dias, diversos workshops e conferências irão proporcionar um debate aberto e pragmático entre especialistas, pais e professores, para responder eficazmente aos desafios colocados pela escola inclusiva e pela diversidade de alunos com necessidades especiais.
Sharon Vaughn, cabeça de cartaz do evento, é professora da área de Dificuldades de Aprendizagem Específicas e directora do Texas Center for Reading and Language Arts da Universidade do Texas, em Austin. Vaughn assinou mais de 10 obras e de mais de 100 artigos relativos à investigação e ao ensino de crianças com necessidades educativas especiais e o seu trabalho reflecte não só a realidade americana mas também a cooperação com educadores de todo o mundo, em países como o Japão, Canadá, Suécia, Noruega, Austrália e Portugal.
As inscrições para o I Encontro Internacional de Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especiais, que contemplam a oferta de dois livros, são abertas a todos os interessados e podem ser realizadas até ao dia 26 de Maio (através do número 707 22 33 66 – Linha do Professor Porto Editora).
Mais informações sobre o programa do evento e os seus intervenientes podem ser consultadas no endereço http://web.espacoprofessor.pt/newsMkt/encontro_nee/folheto.pdf.

Porto Editora lança no próximo dia 20 de Maio novo livro de Penny Vincenzi: "O Jogo do Acaso"

Título: O Jogo do Acaso
Autor: Penny Vincenzi
N.º Págs.: 608
P.V.P.: 17,70€

Na primeira semana após a sua publicação, O Jogo do Acaso entrou directamente para o primeiro lugar da tabela de vendas no Reino Unido.

A Porto Editora lança amanhã, quinta-feira, o segundo livro da britânica Penny Vincenzi. Depois do sucesso de Cruel Abandono (Julho de 2009), O Jogo do Acaso traz-nos uma história apaixonante que se desenvolve a partir de um trágico acidente. Penny Vincenzi é uma das autoras de culto da nova literatura britânica, tendo vendido, até à data, mais de quatro milhões de livros em todo o mundo.

Em O Jogo do Acaso, uma fracção de segundo foi quanto bastou para que o caos se instalasse na congestionada auto-estrada que liga Londres ao País de Gales. Um acidente de viação de grandes proporções gera o pânico, substitui a confiança pelo medo e a impotência toma conta dos presentes.
Jonathan, um obstetra carismático e bem-sucedido; Toby, o noivo com um segredo obscuro a caminho do seu casamento, e o seu leal amigo Barney; Georgia, uma jovem aspirante a actriz, desesperada por chegar a Londres para uma audição importante que poderá lançar a sua carreira; Mary, a viúva que percorre centenas de quilómetros para reencontrar o seu primeiro amor, que não vê há mais de 50 anos; William, o agricultor que presencia o drama que se desenrola no outro lado da encosta; e Emma, a atraente médica do hospital da zona que presta assistência aos sinistrados. De um momento para o outro, ver-se-ão enredados num poderosíssimo jogo de acção-consequência, cujos efeitos mudarão as suas vidas irremediavelmente. Mas será para melhor ou para pior?
Poderá alguém sobreviver à inevitabilidade do acaso?

Sobre a autora:
Penny Vincenzi é uma das mais populares e estimadas escritoras britânicas. Foi jornalista, colaborando em publicações como The Daily Mirror, The Times, Vogue e Cosmopolitan, entre outras, antes de iniciar uma carreira literária de sucesso – os seus livros já venderam em todo o mundo mais de quatro milhões de exemplares. O seu primeiro romance, Old Sins, foi publicado em 1989, tendo escrito depois muitos outros, um dos quais, Cruel Abandono, foi já publicado pela Porto Editora.

Sobre O Jogo do Acaso:
«Ninguém domina, com tanta elegância e ritmo, a arte de escrever para mulheres.»
USA Today
«Cativante e arrebatador.»
The Daily Mirror
«Penny é a figura de proa do bestseller moderno.»
Glamour
«Com personagens bem conseguidas, e um estilo cativante, Vincenzi consegue prender o leitor da primeira à última página.»
People
«Uma leitura empolgante e enriquecedora.»
Heat
«Um romance arrebatador e emocionante que não vai querer pousar. […] Penny Vincenzi entretece as vidas de um elenco apaixonante de personagens com a sua habitual elegância criativa, expondo os seus segredos, sonhos e desilusões, oferecendo-lhe uma leitura particularmente inspiradora.»
Womam & Home

Os Heróis do Futebol: Os dois primeiros títulos da colecção chegam às livrarias na primeira semana de Junho.

Título: Luta pela Taça
Autor: Gerard van Gemert
N.º de Páginas: 160
PVP: 7,50€


Conhece os dois jovens heróis do futebol: Rafael e Rodrigo, do FC Lobitos. Eles
estão envolvidos numa luta ferrenha com os seus grandes rivais: os ET’s – nome que dão aos jogadores do Desportivo Galácticos. Travam uma luta pelo campeonato
e por muito mais... Que descobertas, desafios e aventuras esperam por esta dupla? Será que vão continuar a ser heróis do futebol? Rafael conquistará o coração da bela Filipa? Ou ela continuará a vê-lo como o amigo do irmão mais novo?


Título: Jogo Perigoso
Autor: Gerard van Gemert
N.º de Páginas: 160
PVP: 7,50€


O FC Lobitos é o único clube amador que participa no Campeonato Nacional.
Os jogadores foram recompensados com uma viagem a Londres, onde vão assistir à meia-final da Liga dos Campeões. O que devia ser uma viagem tranquila, transforma-se num pesadelo. Rafael e Rodrigo vão ver-se envolvidos num perigoso jogo de intrigas e corrupção e terão de recorrer às suas qualidades futebolísticas para tentar salvar a situação, acabando por ter influência no resultado da meia-final…

Os Heróis do Futebol
A colecção «Os Heróis do Futebol» destina-se ao público juvenil. A acção gira em torno de dois jovens jogadores que, a par com o futebol, vivem inúmeras aventuras. Linguagem simples, um enredo sólido e empolgante, bem como um conjunto de dinâmicas ilustrações, constituem as mais-valias desta colecção.

Resultados do passatempo "Meio-dia Azul"

Obrigada a todos que participaram no passatempo "Meio-dia Azul" realizado entre o Marcador de Livros e a Vogais & Companhia Edições, num total de 128 participações.

Os felizes contemplados foram:
1 - Neusa do Vale (Algés)
50 - Elsa Rodrigues (Lisboa)
105 - Edgar Alves (Lisboa)

Além de o seu nome figurar no blogue, os contemplados foram ainda avisados através de email
quarta-feira, 19 de maio de 2010 | By: Maria Manuel Magalhaes

Eric Frattini em Portugal para apresentar O Labirinto de Água na próxima terça-feira

O peruano Eric Frattini, uma das vozes que mais tem revelado segredos do Vaticano, vai estar em Portugal no início da próxima semana, para apresentar o novíssimo romance O Labirinto de Água. O evento tem lugar terça-feira, dia 25, às 19 horas, na livraria Bulhosa de Oeiras. O escritor Luís Miguel Rocha vai fazer a apresentação.
Uma das grandes interrogações que resultam da leitura de O Labirinto de Água, livro que explora as fragilidades e as políticas mais obscuras da Igreja Católica, tem a ver com uma possível manipulação, por parte da própria Igreja, da visão que temos do Cristianismo.
Publicada há um mês, a obra incide num dos temas mais polémicos da história da Igreja: a descoberta do Evangelho de Judas.
O autor é um prestigiado jornalista e professor universitário, autor de vinte ensaios e dois romances. Como correspondente, viveu em vários países, entre os quais Israel e Líbano, o que muito contribuiu para as investigações que operou.
Vale a pena uma visita ao sítio oficial de Frattini (www.ericfrattini.com), para conhecer a vida e a obra do escritor.

Sobre o autor:

Embora seja também professor universitário e escritor, Eric Frattini correu o mundo como jornalista. Viveu na Polinésia, no Paraguai, no Líbano, no Chipre e em Israel. Foi correspondente no Médio Oriente dos reputados Canal Plus e Cadena Ser, foi director e guionista de documentários de investigação para as principais cadeias de televisão espanholas, como a TVE, a Tele 5, a Antena 3. Actualmente, está no canal Cuatro e na Rádio Nacional de Espanha.
É autor de mais de vinte livros, publicados em quinze países, e entre os quais se destacam: Osama Bin Laden, La Espada de Ala (2001); Mafia S.S. 100 Años de Cosa Nostra (2002); A Santa Aliança, Cinco Séculos de Espionagem no Vaticano.

Casa das Letras publica: "Cuba Livre", de Yoani Sánchez - A arte de sobreviver a Fidel Castro

Título: Cuba Livre
Autor: Yoani Sánchez
N.º de Páginas: 236
PVP: 14,90€

Sinopse:
Yoani Sánchez é uma dissidente atípica: não denuncia, não ataca, não contesta. Limita-se, no seu blogue, a contar o que significa viver hoje no regime comunista de Cuba: a dificuldade de fazer compras e a fome crónica, a arte de reparar os electrodomésticos avariados, a luta para se descobrirem as notícias verdadeiras nas entrelinhas dos jornais do partido, o medo de ir para o hospital onde não existem sequer as condições mínimas para a esterilização, a convivência forçada com a propaganda que se insinua nos media, nas praças e nas escolas, o pânico com a chegada de alguma intimação da polícia, a preocupação com os amigos presos, a saudade dos muitos que fugiram e a desilusão por todos os que deixaram de acreditar no futuro. Mas, sobretudo, ela desfaz o falso mito da eficiência castrista e descreve, entre a ternura e a raiva, a frustração pelas potencialidades não demonstradas e pelos sonhos perdidos daqueles que, como ela, nasceram na Cuba dos anos 70 e 80 e se encontram presos a uma utopia que não lhes pertence. As falsas promessas de Raúl Castro, que sucedeu oficialmente ao irmão em 2008, foram a última gota de um quotidiano que escorre dor e desilusão. Yoani tornou-se a porta-voz involuntária de uma geração que nunca conheceu a liberdade e o seu blogue é hoje o mais aguçado espinho no flanco do regime. Ao ponto de o próprio líder máximo a ter atacado publicamente e a ter acusado de ser uma espia a soldo do capitalismo. À arrogância do poder que pretende dirigir a sua existência, Yoani continua a opor a força da obstinação e a presunção da sua utopia pessoal: poder viver um dia numa Cuba livre.

Sobre a autora:
Yoani Sánchez nasceu em Havana em 1975. Licenciou-se em Filologia Hispânica e trabalha como webmaster e jornalista do portal Desdecuba.com e, às escondidas, como guia turística em Havana. Em Abril de 2007 inaugurou o blogue Generación Y que suscitou um enorme interesse em todo o mundo. No ano seguinte ganhou o prémio Ortega y Gasset concedido pelo jornal El País para o jornalismo digital. Mantém uma rubrica no Internazionale. Yoni Sánchez foi incluída pela Time na lista das 100 pessoas mais influentes de 2008, com Barak Obama, o Dalai Lama e Rupert Murdoch.

Destaque:
Vivo numa utopia que não é a minha. Por ela se sacrificaram os meus avós e os meus pais renunciaram aos melhores anos da sua vida. Carrego-a às costas sem poder aliviar-me do seu peso.
Alguns que não a conhecem tentam convencer-me de que devo preservá-la mas não sabem quão alienante é carregar o peso dos sonhos alheios e viver uma ilusão que me é estranha.
A quantos me impuseram – sem me consultar – esta falsa quimera, quero dizer, desde já, que não tenciono deixá-la em herança aos meus filhos.

Planeta publica Prémio Planeta a 20 de Junho

Em Junho chegam às livrarias nacionais 14 novos livros, incluindo infantis, com a chancela Planeta.

De Matthew Pearl, autor de O Clube de Dante e A Sombra de Poe, a Planeta publica a 4 de Junho «O Livro Inacabado de Dickens», livro em torno da obra incompleta (The Mistery of Edwin Drood) do grande romancista inglês.

Com ele chegam também o romance histórico A Abadia Profanada, de Montserrat Rico Góngora, baseado em factos reais e na demanda do Santo Graal pelo regime liderado por Hitler e A Rosa Escondida, o novo livro de Reyes Monforte (autora de Uma Burca por Amor e Amor Cruel), um romance sobre a dura vida de uma mulher fugida da guerra da Bósnia.

A Cidade de Vidro, terceiro volume da série juvenil Caçadores de Sombras (da autoria de Cassandra Clare, que estará em Portugal de 14 a 16 de Junho para promover o livro) e os primeiros títulos da colecção infantil Bat Pat, sobre um morcego que tem medo do escuro, compõem a saída de 4 de Junho.

A 20 de Junho, por sua vez, a Planeta editará o Prémio Planeta 2009, Contra o Vento, de Ángeles Caso (com viagem agendada a Portugal de 22 a 25 de Junho), A Minha Viagem com Farrah Fawcet (de Alana Stewart), O Sexo Mais no Feminino (de Sylvia de Béjar), Flavia de Luce e o Mistério no Bosque de Gibbert, Desaparecidos, mais uma aposta da Planeta no romance sobrenatural (da autoria de Michael Grant) e três livros sobre o mundo de Patty (Patty - Um Mundo Novo, O Diário da Patty e Patty - Jogos e Actividades, aproveitando a presença da jovem actriz que desempenha o papel de Patty na série televisisva em exibição na SIC, em Portugal no final do mês de Junho).

Casa das Letras publica: "O Leão de Oz", de Gregory Maguire

Título: O Leão de Oz
Autor: Gregory Maguire
Ficção Estrangeira
N.º de Páginas: 356
PVP: 16, 90€

Sinopse:
Desde que A Bruxa de Oz foi publicado, milhões de leitores descobriram o fantástico mundo de Oz reinventado por Gregory Maguire, um mundo recheado de personagens ao mesmo tempo familiares e novas, sombriamente concebidas e ousadamente reimaginadas. Nesta muito antecipada sequela, regressamos à terra de Oz, desta feita pelos olhos do Leão Cobarde — a minúscula cria que certa vez foi defendida por Elphaba em A Bruxa de Oz. O Leão de Oz retrata uma batalha de vontades precipitada pelos iminentes exércitos da Cidade Esmeralda. Que sabe o Leão acerca do paradeiro de Liir, o filho da Bruxa? Que poderá Yackle revelar sobre os augúrios do Relógio do Dragão do Tempo? E o Grimmário, o livro mágico que desapareceu tão rapidamente quanto Elphaba? Será o destino alguma vez arbitrário? Poderão aqueles que foram manchados pela infâmia escapar aos seus cognomes — cobarde, mau, descerebrado, criminosamente honesto — e reclamar as suas próprias histórias para viverem honradamente nas próprias peles antes de serem esfolados vivos? Ao mesmo tempo um retrato de um pretenso sobrevivente e um vislumbre panorâmico de um mundo colocado de cabeça para baixo com o frenesim da guerra, o novo romance de Gregory Maguire foi escrito com a compaixão e força que tornaram os seus livros clássicos contemporâneos.

Sobre o autor:
Gregory Maguire é autor de vários sucessos de vendas como Confessions of an Ugly Stepsister (que revisita o conto da Cinderela), Mirror Mirror (uma extensão da Branca de Neve) e A Bruxa de Oz, já levado aos palcos da Broadway (Wicked) e distinguido com um Tony Award, e a respectiva sequela, O Herdeiro de Oz. A Bruxa de Oz vendeu mais de três milhões de exemplares nos Estados Unidos e esteve mais de um ano no top do New York Times. Maguire faz palestras sobre arte, literatura e cultura tanto nos Estados Unidos como no estrangeiro. É crítico do New York Times e vive com a família perto de Boston, no Massachusetts.

Imprensa:
«Guarde um espaço na estante entre Alice e o Hobbit. Será um espaço bem merecido.» Kirkus Reviews
«Uma excelente proeza em termos de imaginação.» USA Today
«É impossível negar a magia de Gregory Maguire.» New York Newsday
«Um espantoso feito literário» Los Angeles Times

Passatempo "Mário, o teu humor está no armário"

O blogue Marcador de Livros, em conjunto com a Vogais & Companhia Edições, tem para oferecer 3 exemplares do livro de Raul de Orofino, “Mário, o teu humor está no armário".

Para tal, basta responder correctamente às seguintes questões:

1 - Qual o verbo que o autor mais gosta?
2 - O que é que dá a possibilidade de sentir o prazer de estar vivo para o autor?
3 - Qual a colecção a que pertence este livro?

A primeira pessoa a responder acertadamente às questões ganha automaticamente um exemplar. Os restantes dois serão sorteados de forma aleatória, por um programa apropriado.


Regras do Passatempo:
- O passatempo decorre até às 23:59 do dia 3 de Junho.
- Para participarem terão de enviar um email para marcadordelivros@gmail.com com as respostas, juntamente com os seus dados pessoais (nome e morada).
- Os premiados serão sorteados aleatoriamente e o nome dos vencedores será publicado neste blogue e os mesmos serão avisados por email.
- Só serão permitidas participações a residentes em Portugal e apenas uma por participante e residência.

Encontrará as respostas facilmente no excerto do livro disponível aqui e no blogue.
terça-feira, 18 de maio de 2010 | By: Maria Manuel Magalhaes

Novidades Presença para a 2.ª quinzena de Maio

Título: A Estranha Vida de Nobody Owens
Autor: Neil Gaiman
P.V.P.: 12,95 €
Data 1ª Edição: 18/05/2010
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 304

Colecção: Estrela do Mar
Nº na Colecção: 130

Sinopse:
Nobody Owens podia ser um rapaz perfeitamente normal não fosse o facto de viver num cemitério e ter como família adoptiva uma série de fantasmas, almas penadas e outras entidades semelhantes que o educam e cuidam dele. Owens não se pode gabar de nunca se ter metido em sarilhos, mas é para além das grades do cemitério que residem os verdadeiros perigos, pois é aí que vive Jack - o homem que nunca desistiu de procurar Owens desde aquela sinistra noite em que matou toda a sua família… Suspense, humor e magia num livro encantador destinado a tornar-se uma obra de culto da ficção juvenil.

Título: Cogito Ergo Sum Quarenta Histórias da Vida para além da Morte
Autor: David Eagleman
P.V.P.: 11,50 €
Data 1ª Edição: 18/05/2010
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 108

Colecção: Lado B
Nº na Colecção: 8

Sinopse:
Estes contos ressumam humor e ironia na mesma medida da sua originalidade e desafiadora subtileza, criando em certa medida intrigantes novas perspectivas sobre o nosso presente.

Título: Safari de Sangue
Autor: Deon Meyer
P.V.P.: 19,50 €
Data 1ª Edição: 18/05/2010
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 376

Colecção: Minutos Contados
Nº na Colecção: 30

Sinopse: Lemmer é um guarda-costas profissional, um ex-condenado que Emma le Roux vai contratar na tentativa de encontrar o irmão dado como morto há mais de vinte anos. Um caso que vem a revelar-se extremamente perigoso e com implicações políticas internacionais. Um thriller empolgante do mais consagrado autor do género, na África do Sul.

Título: Procura-se Diamante para Relacionamento Sério
Autor: Lauren Weisberger
P.V.P.: 16,80 €
Data 1ª Edição: 18/05/2010
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 316

Colecção: Champanhe e Morangos
Nº na Colecção: 41

Sinopse: Emmy, Leigh e Adriana são três amigas que, prestes a chegar aos trinta, e apesar de tudo o que ao longo desses anos alcançaram, não têm a certeza de terem a vida com que sonharam. Então, uma noite, Emmy e Adriana fazem um pacto: no espaço de um ano, terão de mudar radicalmente as suas vidas. Leigh mantém-se de parte, mas sabe que, das três, é quem tem mais a perder…

Título: Delírio
Autor: Laura Restrepo
P.V.P.: 15,90 €
Data 1ª Edição: 18/05/2010
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 248

Colecção: Grandes Narrativas
Nº na Colecção: 468

Sinopse: Quando Aguilar regressa de uma curta viagem de negócios e encontra a mulher, Agustina, num estado de agitação mental que a torna praticamente irreconhecível, não consegue compreender o que se poderá ter passado na sua ausência, pois nada fizera prever aquilo. Contada a várias vozes, a história desenrola-se a partir deste momento, compondo uma trama familiar que se estende por várias gerações e que é também o reflexo do estado de uma nação. Uma narrativa brilhantemente desenvolvida em que, como num romance policial, o suspense das revelações seduz o leitor até ao fim.

Título: Amigas para a Vida
Autor: Ann Brashares
P.V.P.: 13,90 €
Data 1ª Edição: 18/05/2010
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 304

Colecção: Noites Claras
Nº na Colecção: 6

Sinopse: Polly, Jo e Ama são grandes amigas desde o primeiro dia de escola. Agora preparam-se para gozar as últimas férias de Verão antes da entrada no secundário, um Verão de grandes mudanças que irá pôr à prova os laços que as unem. Terá a sua amizade raízes suficientemente sólidas para sobreviver a todos estes novos desafios e descobertas?

Título: Dieta Para Uma Pele Saudável Um Guia Completo para Conseguir Uma Pele Saudável em 8 Semanas
Autor: Karen Fischer
P.V.P.: 21,90 €
Data 1ª Edição: 18/05/2010
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 408

Colecção: Diversos
Nº na Colecção: 46

Sinopse: Como conseguir o milagre de uma pele perfeita quando não fomos abençoados geneticamente? Karen Fischer, nutricionista e especialista em doenças dermatológicas, propõe-nos um programa de reequilíbrio da saúde da pele com duração de oito semanas e resultados garantidos. Qualquer que seja o seu tipo de pele ou a afecção que o aflige encontrará neste livro as soluções mais eficazes específicas para cada caso. Um guia indispensável para quem deseja sentir-se bem na sua própria pele.

Título: As Técnicas da Comunicação e da Informação
Autor: Adriano Duarte Rodrigues
P.V.P.: 10,00 €
Relançamento
Data 1ª Edição: 19/08/1999
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 160

Colecção: Textos de Apoio - Nova série
Nº na Colecção: 18

Sinopse: Nesta obra, através de um discurso resumido e acessível, é formulada uma visão global das transformações técnicas mais relevantes que se têm operado nos domínios da comunicação e da informação. É feita uma breve descrição do percurso histórico em que se registaram tais mudanças e é compilado um conjunto de dados e de reflexões indispensáveis para o conhecimento das técnicas mais importantes. A Presença relança agora este título em edição totalmente revista e actualizada pelo autor, que inclui um novo capítulo.

Título: O Livro Misterioso
Autor: Margarida Fonseca Santos
P.V.P.: 7,50 €
Relançamento
Data 1ª Edição: 13/04/2005
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 80

Colecção: Estrela do Mar
Nº na Colecção: 77

Sinopse: Já alguma vez pensaste nos livros assim como uma espécie de dimensão paralela? Para te provar que isto é real, aqui tens um livro dentro do qual poderás encontrar um outro livro. Este, que está dentro destas páginas que talvez estejas agora a folhear, é mesmo muito especial como o André pôde comprovar assim que o encontrou naquele banco de jardim. Para ele, para a Joana e o Carlos (e até outras pessoas) foi a porta de entrada para um mundo estranho, onde aprenderam coisas importantíssimas, algumas das quais resultavam que nem verdadeira magia em qualquer mundo que fosse! Se aceitares o desafio, O Livro Misterioso levar-te-á a viver uma emocionante aventura cheia de suspense.

Título: Um Problema Gigante
Autor: Tony DiTerlizzi e Holly Black
P.V.P.: 8,60 €
Data 1ª Edição: 18/05/2010
Nº de Edição:
Nº de Páginas: 176

Colecção: As Novas Crónicas de Spiderwick
Nº na Colecção: 2

Sinopse: «Por falar em saltar da frigideira para o fogo!

Eu estava a ficar convencido que a anormal da minha meia-irmã e aquele seu disparatado guia de campo iam mesmo arruinar a minha vida. Mas agora acho é que vão arruinar a Flórida inteira, também! Pronto! Talvez seja injusto. Se calhar todos estes estúpidos gigantes tivessem acordado de qualquer maneira, mas se não fosse ela e aquele livro, eu estaria agora em casa a jogar consola e este seria o problema gigantesco de qualquer outra pessoa!»

Um lugar chamado Aqui - Cecelia Ahern [Opinião]

-->
Título: Um Lugar Chamado Aqui
Autor:
Cecelia Ahern
Data 1.ª Edição: 03/02/2009
N.º de Edição: 4.ª
N.º de Páginas: 344
Colecção: Champanhe e Morangos
N.º na Colecção: 37
Sinopse: Sandy Short tornou-se obcecada por coisas e pessoas perdidas, desde que, ainda criança, uma colega sua desapareceu sem deixar rasto. Desde então não conseguia descansar enquanto, pelo menos, não descobrisse uma pista que fosse daquilo que desaparecera. Até que um dia ela própria desapareceu... Este é um encantador conto onde a magia, o humor e as vicissitudes da inesperada busca se fundem harmoniosamente para criar um envolvimento que prende o leitor. No fundo, trata-se da história de uma mulher à procura de si mesma, contudo, nesta divertida parábola, a autora explora temas ligados ao sentido profundo da vida, como conservar, deixar ir ou perder, mas também lidar com a identidade face à passagem do tempo, recordar as suas raízes e apreciar o valor do amor. Um romance notável, pela criadora de PS. - Eu Amo-te, que deu origem ao enorme êxito do grande ecrã com o mesmo nome.

A minha opinião:
Depois de ter lido PS – Eu Amo-te, A Prenda e Para sempre, talvez, eis que parti para a leitura de Um lugar chamado Aqui. Para ser sincera esperava mais deste livro de Cecelia Ahern. Penso que, tal como a protagonista, Sandy, nos perdemos um pouco na história que se torna um pouco longa e repetitiva.
No entanto, vale a pena ler as peripécias da vida de Sandy desde a altura em que a sua colega de escola Jenny-May Butler, com dez anos, desapareceu. A partir daí, várias coisas de Sandy desapareciam misteriosamente, desde meias até ao seu peluche de estimação. A sua relação com o doutor Burton, psicólogo por quem se apaixona, é feita de altos e baixos e já em adulta Sandy teima em desaparecer frequentemente sem deixar rasto. Família e amigos já achavam isso natural.
Insatisfeita profissionalmente, Sandy deixa o seu emprego na polícia e decide abrir uma empresa de procura de pessoas desaparecidas, no fundo o que sempre gostou de fazer. É aí que conhece Jack, um homem com um vida complicada desde o desaparecimento do seu irmão Donal, um ano atrás. Num encontro marcado por ambos, Sandy falta ao prometido e não aparece deixando Jack intrigado. E mais intrigado fica quando encontra o seu carro com todos os seus pertences, incluindo o processo policial de Donal no carro abandonado.
Incansável, Jack une todos os esforços para encontrar Sandy até porque acha que o seu desaparecimento pode estar ligado com Donal. Tenta falar com todos os conhecidos de Sandy e sem que nada o faça prever descobre o seu irmão Donal, ou pelo menos o porquê do seu desaparecimento.
Entretanto, Sandy enquanto está supostamente desaparecida, vai dar a um lugar chamado Aqui onde estão todas as pessoas que desapareceram ao longo dos anos. É aí que encontra muita gente que investigou e também Jenny-May Butler. Essa sua viagem faz com que acabe por encontrar a resposta para muitas das suas perguntas.
Mas o lugar de Sandy não é em Aqui e acaba por ser encontrada na floresta por Jack, que a procurava há uma semana.


Planeta com site na Internet

A editora Planeta tem agora o seu próprio site onde os interessados poderão a passar a ver todos os livros da editora. Pode ver em www.planeta.pt.

Sextante Editora apresenta livro "Homossexuais no Estado Novo" no próximo dia 20

Na próxima quinta-feira, dia 20 de Maio, a partir das 18h30 no restaurante (piso 7) do El Corte Inglés de Lisboa, será apresentado o livro da jornalista São José Almeida, Homossexuais no Estado Novo.
Este livro resulta de uma profunda e longa investigação sobre o tema e contém inúmeros depoimentos originais, alguns dos quais de protagonistas que autorizaram a sua identificação, integrando também testemunhos sobre casos que tiveram grande repercussão pública e sobre personalidades muito conhecidas e já desaparecidas.
A apresentação ficará a cargo de Teresa Pizarro Beleza e António Fernando Cascais.

Alan Bradley vence Agatha Award com A Talentosa Flavia de Luce


A Talentosa Flavia de Luce, do escritor canadiano Alan Bradley, acaba de vencer o Agatha Award 2009, um importante galardão literário que distingue escritores de romance policial ao estilo de Agatha Christie (sem conteúdos explícitos de sexo nem cenas excessivas ou gratuitas de violência).

Este é o primeiro volume de uma série inspirada nos grandes policiais que tem como protagonista um inesperado detective: uma menina de 11 anos com um feitio muito especial e um invulgar talento para fórmulas químicas. Flavia de Luce é uma detective inteligente, brilhante, imprevisível e muito perseverante cujas investigações estão já publicadas em mais de 27 países.

Depois de A Talentosa Flavia de Luce, também distinguido com o Debut Dagger Award 2007, a Planeta prepara-se para lançar o segundo volume da série Flavia de Luce intitulado Flavia de Luce e o Mistério do Bosque de Gibbert (dia 16 de Junho nas livrarias nacionais).
segunda-feira, 17 de maio de 2010 | By: Maria Manuel Magalhaes

Resultados do passatempo "O Rapaz que prendeu o vento"

Obrigada a todos que participaram no passatempo "O Rapaz que Prendeu o Vento" realizado entre o Marcador de Livros e a Editoral Presença, num total de 234 participações.

A feliz contemplada com um exemplar do livro foi:
181 - Hélia Branco (Olival Basto)


Além de o seu nome figurar no blogue, a contemplada foi ainda avisada através de email.

Apresentação do livro Mistério em Connesville

Mistério em Connesville da escritora Beatriz Barroca vai ser apresentado na Escola Superior de Educação de Torres Novas, no próximo dia 26 de Maio, pelas 11 horas.

Esta obra foi escrita durante o Verão de 2009, motivada pelo fascínio que a autora sentiu pela atmosfera enigmática daquela zona dos Estados Unidos da América. O Mistério em Connellsville torna realidade “O Sonho de escrever um livro…”.
Esta sessão pretende divulgar uma jovem escritora, aluna do 11º Ano do Curso de Línguas e Humanidades na Escola Secundária de Santa Maria do Olival, dinamizada pela turma do 2.ºAno do Curso de Licenciatura em Educação Básica.

Novidades Quetzal

Título: Sete Pecados Capitais – Uma Nova Abordagem
Autor: Aviad Kleinberg

Tradução: Miguel de Castro Henriques.

Sinopse:
Não há sociedades sem o bem e o mal. Não há sociedades sem pecado. Mas cada cultura tem a sua lista favorita de transgressões. E a mais famosa de todas, a mais influente, terá sido redigida pela Igreja, no fim da antiguidade: Os Sete Pecados Capitais. A soberba, a ganância, a preguiça, a luxúria, a inveja, a gula, e a ira não são actos proibidos, mas são as paixões que nos conduzem à tentação. Mas, o que haverá de errado em ser-se um pouco preguiçoso? O que seria da alta cozinha sem a gula? Onde estaríamos todos sem a luxúria dos nossos pais? Será que a ira passou de moda no Ocidente? Poderia a nossa cultura do consumo sobreviver sem a inveja e a ganância? E, agora com toda a humildade, porque não haveríamos de ser orgulhosos? Com grande erudição e um humor implacável, Aviad Kleinberg guia o leitor através dos conceitos de pecado judaico, cristão e greco-romano. Em cada um dos capítulos de Sete Pecados Capitais, o passado e o presente entretecem-se, e a imutabilidade das paixões humanas é examinada. Uma incursão original e divertida pelo que nos faz humanos.

Sobre o autor:
Aviad Kleinberg é um dos mais proeminentes intelectuais em Israel. É professor de História na Universidade de Tel Aviv e autor de vários livros.


Título: O Sorriso Enigmático do Javali
Autor: António Manuel Venda


Sinopse:
Uma cobra tenta hipnotizar um escritor. A um deputado falta um bocado da cabeça. Uma borboleta pode ter dentro dela o terrível imperador Ming. Um lagarto aparece com a cauda em forma de clave de sol. E muitas, muitas outras coisas: por exemplo, um javali que, de forma enigmática, sorri. São as primeiras aventuras do pequeno Tukie, pelos montados do Alentejo. Uma narrativa sobre a descoberta dos segredos do campo - já chegou o novo livro de António Manuel Venda.

Sobre o autor:
António Manuel Venda nasceu em Monchique, no Sul de Portugal, em 1968. Publicou vários livros de ficção, tendo alguns deles sido premiados por instituições como o Instituto Abel Salazar, o Centro Nacional de Cultura, a Câmara Municipal de Almada, a Sociedade Portuguesa de Autores e o Ministério da Cultura. Vive no Alentejo. Escreve no blogue Floresta do Sul. O Sorriso Enigmático do Javali é o segundo romance que publica na Quetzal.


Título: O Jardim dos Finzi-Contini
Autor: Giorgio Bassani

Tradução: Egipto Gonçalves.

Sinopse:
Os Finzi-Contini são uma das mais tradicionais e refinadas famílias da intelligentsia judia de Ferrara, nos anos que antecedem a Segunda Guerra Mundial. Com o fascismo a apoderar-se rapidamente de Itália, os seus domínios em torno da mansão — amplos e murados — são o local de prazer e segurança dos últimos da linhagem. No jardim, as personagens surgem ligadas por um destino comum que as isola do resto do mundo. E o jardim não configura apenas o símbolo de refúgio; é também o derradeiro reduto da resistência contra a barbárie fascista. Mas um clima opressivo pressagia a catástrofe e, surda e implacavelmente, os acontecimentos vão precipitar-se. O Verão no jardim afastará temporariamente a treva. E nesse Verão, entre paixões cruzadas, vai nascer um amor não-correspondido. O Jardim dos Finzi-Contini, a obra-prima de Giorgio Bassani adaptada ao cinema por Vittorio de Sica, é um romance sobre o fim de uma ordem social, que evolui com a lenta cadência da memória.

Sobre o autor:
Giorgio Bassani é um dos grandes escritores europeus do século XX. A sua obra foi galardoada com os prémios literários Veillon, Strega, Campiello, Viareggio e Nelly Sachs. Os seus livros mais importantes estão reunidos numa obra maior que se intitula Il romanzo de Ferrara.

Além de escritor, Bassani foi editor da mítica Feltrinelli, onde publicou nomes como Giuseppe Tomasi di Lampedusa. Segundo o jornal The Guardian, «Giorgio Bassani é uma das grandes testemunhas do século [XX] e um dos seus maiores artistas.»

Título: Estive em Lisboa e Lembrei-me de ti
Autor: Luiz Ruffato


Sinopse:
No interior de Minas, Serginho, um jovem de alma simples e sem grandes aspirações, tenta deixar de fumar. A sua existência resume-se a cervejas, pequenas intrigas e raparigas, que lhe trazem desilusões amorosas e lhe inspiram reflexões sociológicas do género «no Brasil vence o mais bem motorizado». Raparigas é o que não falta em Cataguases, e Serginho aproveita para as namorar amadoristicamente, até que engravida Noemi, acabando por ter de se casar com ela. Mas Noemi não é «boa da cabeça» e, após uma série de conflitos familiares, mais ou menos públicos, o casamento entrará em colapso. A isto segue-se ainda o despedimento de Serginho.É nesta altura que o nosso herói decide emigrar para Portugal, onde supostamente rios de dinheiro esperam os que não têm medo de trabalhar no duro. E o que mais estará à sua espera? O verdadeiro amor? É isso que Serginho irá descobrir, no meio das agruras, provações e humilhações sofridas por um emigrante sem cultura. E, enquanto se vai apossando desta nova realidade, a metamorfose linguística vai tomando conta do seu léxico.

Sobre o autor:
Luiz Ruffato nasceu em Cataguases, Minas Gerais, em 1961. Costuma dizer que já foi «pipoqueiro, caixeiro de botequim, balconista em armarinho, operário têxtil, torneiro mecânico, jornalista, sócio de assessoria de imprensa, gerente de lanchonete, vendedor de livros (…) e novamente jornalista.» Licenciado em Comunicação Social pela Universidade Federal de Juiz de Fora, publicou vários livros, alguns deles aclamados no seu país e no estrangeiro. Está traduzido para o francês, o espanhol e o italiano. Luiz Ruffato foi ainda galardoado com os prémios literários APCA e Machado de Assis


Título: A Fita Vermelha
Autor: Carmen Posadas


Sinopse:
Raras vezes a realidade forneceu uma personagem tão intensa e aventureira como Teresa Cabarrús, a dama espanhola que, segundo a lenda, acabou com o Terror na Revolução Francesa. Para os seus detractores, não passava de uma arrivista que fez da frivolidade a sua religião e da sedução uma forma de sobrevivência. Para os admiradores, era uma mulher que conseguiu salvar muitos inocentes da morte, e que mereceu o nome de Nossa Senhora do Bom Socorro. Porém, todos concordam que a turbulenta história de amor que viveu com o revolucionário Tallien foi o momento culminante de uma vida extraordinária: aristocrata, condenada à guilhotina, amante de assassinos e de futuros imperadores, Teresa de Carrabús foi revolucionária, princesa e mãe de dez filhos. Uma mulher assim merece ser a protagonista de um romance memorável: Carmen Posadas resgata-a do esquecimento e recria na primeira pessoa a vida apaixonada desta mulher de uma beleza lendária que, com o marido, teve um papel decisivo na morte de Robespierre.

Sobre o autor:
Carmen Posadas nasceu em Montevideo, Uruguai, em 1953, onde viveu até aos 12 anos.Em 1965 mudou-se para Madrid com a sua família, e viveu em Moscovo, Buenos Aires e Londres, cidades onde o seu pai foi embaixador. Com uma trajectória de mais de vinte anos, depois de, em 1985, ter publicado Manual del perfecto arribista, escreveu ensaios, guiões para o cinema e televisão, livros juvenis e vários romances: Cinco Moscas Azuis (1996); Nada É o Que Parece (1997); Pequenas Infâmias (Prémio Planeta, 1998); A Bela Otero (2001); O Bom Servidor (2003); e Brincadeira de Crianças (2006). É uma das autoras contemporâneas que melhor soube ganhar o aplauso da crítica e dos leitores. Os seus livros encontram-se traduzidos em vinte e uma línguas e foram publicados em mais de quarenta países.