sexta-feira, 18 de novembro de 2011

J.M Raposo lança Conversas com Carolina na Leitura

O escritor J. M. Raposo apresenta o seu novo livro, Conversas com a Carolina, na Leitura Shopping Cidade do Porto, esta segunda-feira, 21 de novembro, às 19h30. Editado pela Chiado Editora, vai ser apresentado pelo antigo especialista em Anatomia Patológica e professor catedrático jubilado, Daniel Serrão.
J. M. Raposo nasceu numa aldeia do concelho de Marvão. Ainda com 12 anos foi para Lisboa trabalhar numa farmácia. A formação académica fê-la enquanto trabalhador/estudante, tal como milhares de outros da sua geração. Em Lisboa completou o liceu, como então se chamava. Já no Porto licenciou-se em Filosofia na Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Em Braga, na Faculdade de Filosofia da Universidade Católica, frequentou o mestrado em Bioética. Um inesperado problema de saúde interrompeu a tese, pelo que o mestrado se ficou pela pós-graduação.
Trabalhou como empregado de farmácia, escriturário, chefe de secção, assessor, formador (na área da ética e bioética) e coordenador de uma Universidade da Terceira Idade. Aos vinte anos, depois de ler Jorge Luiz Borges, desistiu da escrita e dedicou-se à leitura. Atualmente escreve de forma intermitente em dois blogues, mas apenas como terapia. Nas intermitências continua a dedicar-se à leitura, lendo o que lhe apetece e quando apetece. Estas conversas são uma exceção à terapia.

Novidade Bertrand

Título: Dezembro
Autor: Elizabeth H. Winthrop
Género: Romance
Tradutor: Patrícia Xavier
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 280
Data de lançamento: 18 de novembro
PVP: 16,50 €

De leitura compulsiva e emocionante, Dezembro é uma obra de uma originalidade maravilhosa e de grande impacto emocional.

A pequena Isabelle, de onze anos, não diz uma palavra há quase um ano. Desistiram dela quatro psiquiatras, classificando o seu silêncio como impenetrável. Os seus pais sentem-se incrédulos e aterrorizados com o isolamento da filha e com o facto de gradualmente estarem a perder o controlo sobre a vida familiar. A escola de Isabelle, que até agora tomou a atitude extraordinária de a deixar fazer os testes e trabalhos em casa, está prestes a expulsá-la, obrigando os seus pais a confrontarem-se com a possibilidade de aquilo que julgaram tratar-se de uma extravagância de adolescente, uma fase, ser afinal uma transformação definitiva, um isolamento de onde a filha poderá nunca vir a sair.
Dezembro dá vida a um quadro inesquecível de uma família em crise e de um mês na vida de uma rapariga inteligente e fascinante, encerrada num isolamento criado por si própria e do qual só ela pode decidir libertar-se.

«Um romance extraordinário, ao mesmo tempo sedutor e provocante.» The Times
«Um conto de fadas moderno.» New York Times
«Winthrop é mestre a observar, e a sua capacidade de cristalizar temas em imagens dá vida a este comovente drama familiar.» Publishers Weekly

Sobre a autora:
Elizabeth Hartley Winthrop nasceu em Nova Iorque.
Este é o seu segundo romance, mas tem vários contos editados em diversas publicações. Atualmente, vive na Georgia.

Amanhã: Maria João Lopo de Carvalho dá autógrafos na Bulhosa de Oeiras

A escritora e professora universitária de português, Maria João Lopo de Carvalho, vai estar na Bulhosa de Oeiras, amanhã, sábado, 19 de Novembro, às 11h30, para uma sessão de autógrafos a propósito do seu novo livro, Marquesa de Alorna, um romance histórico com a chancela da Oficina do Livro dedicado a esta figura incontornável do Portugal dos séculos XVIII e XIX.
Maria João Lopo de Carvalho nasceu em 1962 e licenciou-se em Línguas e Literaturas Modernas pela Universidade Nova de Lisboa. Professora de Português e de Inglês no ensino público e privado, representante em Portugal dos colégios ingleses Pilgrims, fundou e dirigiu a Know How, Sociedade de Ensino de Línguas e a Know How, Edições Produções e Publicidade destinada à tradução e à criação de livros personalizados para crianças e à conceção anual do Guia da Criança. Publicou o primeiro romance, o best- -seller Virada do Avesso, em 2000 e Acidentes de Percurso, em 2001.

Apresentação de "Casa Feliz" de Maria Barros

Lançamento do livro "O Monstro dos E-Mails" com António Augusto Costa e João Mendonça

Sessão de lançamento do livro de Sónia Brazão

Este sábado:: Catalina Pestana apresenta livro de Manuela Mensurado na Bulhosa

A escritora Manuela Mensurado apresenta o seu novo livro, Contos que são Poemas, na livraria Bulhosa de Oeiras, este sábado, 19 de novembro, às 16h00. A apresentação estará a cargo da antiga provedora da Casa Pia de Lisboa, Catalina Pestana.
A partir de quatro poemas de quatro grandes poetas (Fernando Pessoa, Augusto Gil, Camões e La Fontaine), Manuela Mensurado cria Contos que são Poemas. Estes contos mostram que a poesia não fica retida nos extraordinários poemas originais mas são fonte de sonhos e fantasias inesgotáveis, dando origem a novas formas renovadas e reinventadas de prosa e poesia. Os autores clássicos e os poemas que constam deste livro fazem parte dos programLinkas de ensino do primeiro e do segundo ciclo.
Embarca com os antigos marinheiros portugueses em viagens que venceram o próprio medo; admira como algo tão belo como a neve pode ser ao mesmo tempo terrivelmente cruel; deixa-te encantar pela formosa Leonor no seu caminho até à fonte; e descobre ainda o que acontece a quem é demasiado vaidoso. Este é o desafio lançado aos mais novos por Manuela Mensurado, captado na perfeição pelas extraordinárias ilustrações de Cristina Malaquias.
Cristina Malaquias é uma conhecida ilustradora portuguesa que já representou Portugal na prestigiada Bienal Internacional de Bratislava, foi convidada pela UNICEF INTERNACIONAL a ilustrar um dos postais de Natal de 1997 e é a ilustradora de todos os contos de António Torrado do conhecido site História do dia (www.historiadodia.pt).

General Ramalho Eanes apresenta livro "O Espião em Goa", de José António Barreiros

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

CONVITE: Sessão de Lançamento do livro «Quando eu for... Grande» de Maria Inês Almeida e Sebastião Peixoto (ilustrações)

Lançamento da Biografia «Herman, O Verdadeiro Artista», de António Costa Santos e Herman José

Antes de Adormecer de S. J. Watson acrescenta agora um Dagger Award

O empolgante romance de estreia de Steve Watson, e uma das apostas editoriais da Civilização em 2011, não pára de acumular prémios. Menos de seis meses após a sua publicação em Portugal e após conquistar um Galaxy National Book Award na categoria Crime & Thriller Novel of the Year, Antes de Adormecer acumula agora o 2011 CWA John Creasey (New Blood) Dagger.
“Surpreendido e encantado”. Foi esta a reação de S. J. Watson após o anúncio do prémio, a 7 de Outubro, que acrescentou: “é uma honra ser finalista, mas ganhar mesmo, em especial quando se está a concorrer com livros tão extraordinários, é incrível. Assim que foi lançado nos EUA e no Reino Unido, atingiu logo os primeiros lugares dos tops de referência – onde se manteve várias semanas. Editado em Portugal, em junho passado, foi igualmente um sucesso absoluto de vendas, atingindo o 1.º lugar na WOOK, o 7.º na Bulhosa e o 9.º na Bertrand.
Antes de Adormecer é uma emocionante e poderosa história sobre uma mulher que sofre de uma perda de memória de curto prazo e que, todas as manhãs, durante vinte anos, acorda sem saber quem é. As críticas a S. J. Watson não podiam ser mais estimulantes. Brilhante, excepcional e perturbador. São estes os adjetivos mais utilizados para descrever aquele que é o seu romance de estreia.
“Um dos autores mais aclamados do ano. O seu romance tem sido recebido com inúmeros elogios... É um romance que aborda os grandes temas – a vida, o amor, a perda – mas é também uma obra literária de qualidade e de leitura compulsiva”, assegura o The Sunday Times. Para o The Guardian, “a estrutura é tão assombrosa que quase nos esquecemos da qualidade da escrita”.
As memórias definem-nos. O que acontece se, cada vez que adormecemos, perdemos as nossas memórias? O nosso nome, identidade, passado, até mesmo as pessoas de quem gostamos. E a única pessoa em quem confiamos pode estar a contar-nos apenas metade da história. Bem-vindos à vida de Christine. Um filme baseado no livro, dirigido por Rowan Joffe, começa a ser filmado ainda este ano.
S. J. Watson nasceu nas Midlands, vive em Londres e trabalhou no Serviço Nacional de Saúde durante vários anos. Em 2008, foi aceite no primeiro Curso “Escrever Um Romance” da Faber Academy, um programa que aborda todos os aspetos do processo da escrita de um romance. Antes de Adormecer é o resultado. Está traduzido em mais de 30 línguas.

Novidades Presença para a 2.ª quinzena de Novembro

Título: Mulheres de Vida Apaixonada
Autor: Maria Pilar Queralt del Hierro
P.V.P.: 15,21 €
Colecção: Diversos
Nº na Colecção: 57
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4657-3
Nº de Páginas: 252
Sinopse: María Pilar Queralt del Hierro reuniu em Mulheres de Vida Apaixonada uma seleção de biografias de mulheres de todas as épocas que se destacaram pelas suas vidas excecionais. Motivadas por verdadeira paixão, puseram os seus ideais acima da própria vida, enfrentando um destino trágico. Ao debruçar-se sobre a biografia de mulheres como Hipácia de Alexandria, Cleópatra, Inês de Castro, Joana d’Arc, Olympe de Gouge, Leonor de Távora, Isadora Duncan, Rosa Luxemburgo, Eva Braun, Diana de Gales, entre tantas outras, a autora oferece-nos uma visão abrangente da condição feminina e da sua evolução ao longo da História.

Título: O Voyeur
Autor: Brian Freeman
P.V.P.: 14,94 €
Colecção: O Fio da Navalha
Nº na Colecção: 112
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4659-7
Nº de Páginas: 376
Sinopse: Ao longo de trinta anos, Jonathan Stride, o carismático detetive que chefia a Brigada de Detetives da polícia de Duluth, foi assombrado por um crime do passado - o violento e incompreensível homicídio de Laura Starr. Mas quando Tish Verdure regressa à cidade na posse de novas provas e determinada a reabrir o processo para que o assassino da sua amiga de juventude seja punido, Stride ganha um novo fôlego e dá início a uma nova investigação. Em O Voyeur, o suspense adensa-se, o ritmo acelera e a adrenalina atinge níveis quase insustentáveis. Um romance noir, genialmente orquestrado, que vem confirmar Freeman como um grande mestre do thriller.

Título: A pipoca mais doce - Agenda
Autor: Ana Garcia Martins
P.V.P.: 14,31 €
Colecção: Diversos
Nº na Colecção: 51
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4694-8
Nº de Páginas: 176
Sinopse: Para todas aquelas pessoas que não confiam a organização das suas vidas a agendas eletrónicas e que não vivem sem o virar das páginas e o cheiro a papel, esta é a proposta ideal. Para além dos habituais calendários e da planificação do dia a dia, poderá encontrar alertas sobre datas importantes a não esquecer e as mais variadas dicas, desde moda, a viagens e férias, consoante os meses. Útil, prática e divertida, A Pipoca mais Doce é a companhia perfeita para mais um ano que se aproxima.

Título: A Balada do Café Triste
Autor: Carson McCullers
P.V.P.: 8,99 €
Nº na Colecção: 21
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4652-8
Nº de Páginas: 80
Sinopse: Numa pequena povoação no Sul profundo dos Estados Unidos, Carson McCullers dá-nos a conhecer um trio de personagens pouco convencional. Miss Amelia Evans foi casada durante dez dias com Marvin Macy, o homem mais bem-parecido mas com o caráter mais instável da povoação, e desde aí tem estado sozinha à frente do seu próprio destino. Até um dia chegar à terra um anão corcunda que se afirma seu primo, roubando-lhe o coração e transformando a sua loja num café cheio de vida. Mas quando o marido rejeitado regressa ao fim de vários anos, inicia-se um estranho triângulo amoroso - e a vida no café nunca mais voltará a ser a mesma…

Título: O Estranho caso do Ladrão de Notícias
Autor: Geronimo Stilton
P.V.P.: 7,65 €
Colecção: Geronimo Stilton
Nº na Colecção: 45
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4655-9
Nº de Páginas: 128
Sinopse: «A Gazeta do Rato, o jornal da Sally Rasmaussen, está a publicar furos extrarráticos: os novos enviados da Escola de Jornalismo Acrobático conseguem deitar a unha às notícias primeiro que qualquer outro! Mas como é possível? Como fazem para saber tudo antecipadamente? Este é um estranho caso para a família Stilton!»


Título: O Trenó novo do Pai Natal
Autor: Nuno Caravela
P.V.P.: 5,31 €
Colecção: Diversos
Nº na Colecção: 132
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4697-9
Nº de Páginas: 48
Sinopse: Este ano o trenó do Pai Natal está tão velho que já não pode fazer nem mais uma viagem. A grande noite aproxima-se e o Pai Natal tem de encontrar uma solução ou todas as crianças do mundo ficarão sem prendas de Natal.
Conseguirá ele o seu trenó novo a tempo?
O Trenó Novo do Pai Natal contém um jogo e peças para o “Jogo do Natal”.

Título: Feliz Natal, Bolinha!
Autor: Eric Hill
P.V.P.: 8,99 €
Colecção: Bolinha
Nº na Colecção: 16
Data 1ª Edição: 15/11/2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4549-1
Nº de Páginas: 20
Sinopse: Chegou o Natal! O Bolinha e os seus amigos não podiam estar mais entusiasmados com os presentes que vão receber. E tu? Será que consegues adivinhar quais os brinquedos com que o Bolinha, o Barnabé, a Lena e o Joca se vão divertir este ano? Levanta as páginas e vê se acertaste.
Feliz Natal, Bolinha! é um livro divertido e lúdico, imbuído do espírito de Natal.

Título: História Contemporânea de Portugal
Autor: António José Telo
P.V.P.: 17,01 €
Relançamento
Colecção: Fundamentos
Nº na Colecção: 16
Data 1ª Edição: 07/03/2007
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-3720-5
Nº de Páginas: 400
Sinopse: Na obra História Contemporânea de Portugal é feita uma abordagem da realidade portuguesa do 25 de Abril até à atualidade. Este primeiro volume cobre sensivelmente o período que decorre entre 1974 e 1985, detendo-se nos acontecimentos que se revestiram de uma importância incontornável. Desde a organização do novo poder, a formação dos principais partidos políticos, os governos provisórios, até aos primeiros governos constitucionais e à adesão à União Europeia. Uma reflexão abrangente e aprofundada, que privilegia as vertentes política, económica e social e nos dá uma visão fascinante do que foi este período da história do nosso país.

Título: Quem está aí, Bolinha?
Autor: Eric Hill
P.V.P.: 8,01 €
Relançamento
Colecção: Bolinha
Nº na Colecção: 15
Data 1ª Edição: 20/10/2009
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4082-3
Nº de Páginas: 32
Sinopse: O Bolinha está a ter um dia muito divertido! Vamos todos ver quem é que ele encontra neste dia cheio de surpresas?

Lançamento do livro "O Espião em Goa", de José António Barreiros l Livraria Barata. Apresentado pelo General Ramalho Eanes


Sintra: Lançamento de «Peso Pesado 2 - Manter o peso: receitas para vencer»

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Novidade Oficina do Livro: O Espião Alemão em Goa de José António Barreiros

Título: O Espião Alemão em Goa
Autor: José António Barreiros
PVP: 13,90 €
N.º de Páginas: 192

A apresentação pública será no dia 21 de Novembro, na Livraria Barata, em Lisboa, e terá o General Ramalho Eanes.

Março de 1943. Em plena II Guerra Mundial, um comando secreto britânico ataca vários mercantes alemães e italianos em águas portuguesas na Índia. Uma história de intriga, propaganda e espionagem que fez Salazar estremecer.


Sobre o Livro:
Os factos são reais. No Carnaval de 1943 três navios alemães e um italiano, todos civis, foram incendiados e afundados, pelos próprios tripulantes, no porto de Mormugão, no então Estado Português da Índia. Resistiam assim a um ataque do SOE britânico, o serviço de operações especiais encarregue da “guerra não cavalheiresca”. Para proteger os interesses aliados, as autoridades portuguesas condenaram judicialmente os tripulantes, dando como não provado que tivessem resistido a uma tentativa de apresamento, com violação da nossa neutralidade. Ao erro judiciário seguiu-se a propaganda: para os britânicos, o fiasco da expedição foi convertido em vitória. Só os portugueses saíram mal do incidente. Salazar teve de intervir junto do poder judicial e o silêncio caiu sobre a história. Este livro tenta repor a verdade, para além das conveniências.

Sobre o Autor:
José António Barreiros é advogado. Tem-se dedicado à escrita jurídica e ao ensaio histórico, como a apresentação de O Príncipe de Maquiavel e nomeadamente no sector dos estudos sobre a guerra secreta em Portugal nos anos 1939-1945. Publicou os livros A Lusitânia dos Espiões, colectânea de artigos; O Homem das Cartas de Londres, biografia de Rogério de Menezes, agente do Eixo; Uma Agente Dupla em Lisboa, biografia de Nathalie Sergueiew, do XX Committee; O 13º Passageiro, sobre a fatídica viagem do actor Leslie Howard a Lisboa e Traição a Salazar, sobre actuação do SOE em Portugal. Traduziu e prefaciou a narrativa histórica Eu roubei o Santa Maria de Jorge Soutomaior. Na área da ficção, é autor de Contos do Desaforo e do romance Não se Brinca com Facas.

Grupo Porto Editora promove ciclo de conversas com escritores. O primeiro convidado é Gonçalo M. Tavares.

No próximo dia 19 de novembro, sábado, pelas 17 horas, no Palácio dos Viscondes de Balsemão (Praça Carlos Alberto, 71, Porto), arranca o “Porto de Encontro”, uma iniciativa do jornalista Sérgio Almeida que é promovida pelo Grupo Porto Editora e que conta com o apoio da Câmara Municipal do Porto, da Porto Cálem, do Jornal de Notícias, da Rádio Nova e do Porto Canal.
“Porto de Encontro” é o nome de um novo ciclo de conversas com escritores, de periodicidade mensal, a decorrer em locais emblemáticos da cidade do Porto. As conversas serão conduzidas por Sérgio Almeida e incidirão sobre os livros mas, também, servirão para dar a conhecer o lado mais pessoal dos autores convidados, num registo de proximidade e de familiaridade através do qual se pretende estreitar a relação entre os leitores e os escritores.

Gonçalo M. Tavares abre “Porto de Encontro”
A primeira sessão do “Porto de Encontro” tem como convidado o reconhecido escritor português Gonçalo M. Tavares, autor de inúmeras obras de eleição, entre as quais Matteo perdeu o emprego, publicado em 2010 pela Editora. O livro será um dos tópicos da conversa conduzida por Sérgio Almeida, a qual estará aberta a todos os leitores – a entrada no evento é livre.
Em dezembro, o “Porto de Encontro” terá como convidado José Rentes de Carvalho, escritor português a viver há várias décadas na Holanda cuja obra tem vindo a ser reeditada pela Quetzal. A sessão está marcada para dia 10 de Dezembro, às 17 horas, no Palacete dos Viscondes de Balsemão, no Porto.

Resultado do passatempo Uma Melodia Inesperada

Obrigada a todos que participaram no passatempo "Uma Melodia Inesperada" realizado entre o Marcador de Livros e a Civilização Editora, num total de 203 participações.

A feliz contemplada com um exemplar do livro é:
194 -
Marta Isabel Correia Cardoso e Vieira (Porto)

Além de o seu nome figurar no blogue, a contemplada foi ainda avisada através de email.

Editora Vogais: "As Outras Vítimas" de Marta Cruz

A Casa Pia viu destruída uma imagem enraizada desde 1780. Aqueles que foram considerados suspeitos de pedofilia nunca mais refizeram as suas vidas. As alegadas vítimas procuraram um recomeço, dentro ou fora do país. Mas nenhuma destas pessoas voltou a ser a mesma — e todas elas têm família e amigos que sofreram com o que estava a acontecer.
Marta Cruz reuniu em As Outras Vítimas: Relatos inéditos das vidas atingidas pelo processo Casa Pia, livro editado pela VOGAIS e que estará à venda em todo o país a partir de 16 de Novembro (14,39€) - lançamento dia 18, às 18h30, Fnac do C. Colombo, depoimentos do sofrimento vivido, ao longo destes quase nove anos, pelas pessoas ligadas a Carlos Cruz, um dos principais arguidos do processo Casa Pia, pelo simples facto de fazerem parte da sua vida e de nunca terem deixado de acreditar na sua inocência. Marluce, Raquel Rocheta, Martim Louro, Maria João Fialho Gouveia, entre outros, deixam neste livro o seu testemunho destes conturbados anos.

Em As Outras Vítimas: Relatos inéditos das vidas atingidas pelo processo Casa Pia pode ainda ler-se a declaração final de Carlos Cruz, nunca antes publicada, feita em sua defesa, proferida por ele próprio, frente aos juízes que o condenaram.

«(Esta) obra é um quadro pintado com cores fortes, verdadeiras, sem meias-tintas, onde se lê, em cada pincelada, uma emoção, um sentimento, um manual de valores de um conjunto de personagens vivas, sérias, lutadoras, conscientes, intocáveis pela mentira, incorruptíveis pela propaganda. E isso transforma este livro num exemplo. [...] Este não é um livro de ficção. As personagens são pessoas reais. Exprimem sentimentos reais. Revelam emoções reais. Essa é uma das suas riquezas. E aqui ficam escritas, arquivadas, as palavras, filhas do que é sentido e humano, para uma verdadeira memória futura, que bem necessária será um dia.»

Charles Esdaile autor de "As Guerras de Napoleão. Uma História Internacional de 1803-1815" em Lisboa

É já na quarta-feira que chega Charles Esdaile um dos historiadores napoleónicos mais prestigiados de Inglaterra, professor de história na universidade de Liverpool, vem a Lisboa falar sobre as guerras que duraram doze anos e tiraram a vida cerca de dois milhões de pessoas.

Quem foi Napoleão? Um agressor ou uma vítima? Um pecador ou um santo?
Nenhum outro soldado provocou tanta admiração e ódio como Napoleão Bonaparte. O autoproclamado imperador francês foi um conquistador ou libertador?
Esta obra é mais do que uma biografia e do que uma análise das campanhas napoleónicas é sim um estudo abrangente, sobre as guerras na Europa.
O Daily Telegraph é muito claro ao afirmar: “ de longe a melhor história de Napoleão… é a definitiva palavra sobre esta matéria.”.
O Spectator diz “Um estudo magnífico”
E, o Literary Review escreve “Esplêndido… uma alegria lê-lo.”

O autor vai estar em Lisboa nos dias 16 e 17 de Novembro.

Hugo Girão lança Os Meninos do Vento

Um dia, há muito, muito tempo, quando o Céu e a Terra eram ainda muito jovens e tudo era mais escuro do que agora, nasceram a Lua e o Sol. Os dois, como se de um milagre se tratasse, saíram da barriga do Céu ao mesmo tempo, mas inexplicavelmente, foram imediatamente separados…

Assim começa a encantadora história dos Meninos do Vento, que nos vão contar um segredo…

Sobre o autor:
Actualmente a residir em Espanha, Hugo Girão, filho do célebre músico Fernando Girão, cada vez mais se assume como uma revelação no panorama literário nacional. Com três livros publicados, dois deles pela Fronteira do Caos, o autor consegue cativar o leitor recorrendo a um discurso extremamente humano e envolvente. Em Os Meninos do Vento, cuja fonte de inspiração bebe dos seus filhos e da sua mulher e, cuja génese nasceu da vontade interior de ajudar os mais desfavorecidos, Hugo Girão conta-nos uma história encantadora susceptível de cativar o leitor da primeira à última página, num livro solidário cujas receitas reverterão a favor da Associação Bipp que, desde os seus inícios, pretende ser uma referência no apoio às famílias com crianças com necessidades especiais, promovendo e implementando novas respostas e caminhos que visem a sua plena inclusão e participação na sociedade. Os seus livros de ficção primeiro romance, O Silêncio das Almas, escrito em co-autoria, e O Silêncio dos teus Olhos tiveram uma aceitação muito boa por parte do público leitor, facto esse que deixa antever a futura dimensão deste jovem escritor.


Lançamento do livro:
Os Meninos do Vento No dia 22 de novembro, terça-feira, às 16h30, vai realizar-se, na Feira de Natal do BIPP, no Fórum Picoas (Edifício PT), em Lisboa, o lançamento do livro Os Meninos do Vento, de Hugo Girão, cujo valor vai reverter a favor do BIPP.

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Breve História de Amor - Tiago Rebelo [Opinião]


Título: Breve História de Amor
Autor: Tiago Rebelo
Editora: ASA
N.º Páginas: 168
Preço: 11,90€
ISBN: 978-989-23-1657-4
1ª Edição: Novembro de 2011
Sinopse:
Breve História de Amor é o desfile de retratos autênticos sobre relações quotidianas. Caminhos do acaso que levam homens e mulheres a cruzarem os seus destinos, por vezes, nas circunstâncias mais surpreendentes. Pessoas que se encontram, ou se reencontram, que se unem ou se separam, sentimentos intensos e irreprimíveis que determinam as suas vidas e alteram bruscamente e sem aviso os seus destinos. Através de uma descrição intensa e cirúrgica, Tiago Rebelo conduz-nos aos pensamentos mais íntimos das personagens que tantas vezes se confundem com os nossos. Autor de romances bem conhecidos do público, como O Tempo dos Amores Perfeitos, O Último Ano em Luanda ou Uma Noite em Nova Iorque, Tiago Rebelo oferece aos leitores a versão original das melhores histórias publicadas ao longo de mais de um ano na revista Domingo, do Correio da Manhã, e ainda o conto inédito Amores Indeléveis.

A minha opinião:
Como muitos sabem adoro Tiago Rebelo e, portanto, é de esperar que já tenha lido todos os livros do autor. Este não iria ser excepção e fiquei com pena de ter faltado ao encontro marcado com os leitores no passado dia 4 de Novembro na Livraria Leya na Barata, em Lisboa. Para quem mora no norte era praticamente, se não de todo impossível, ir a não ser que tirasse férias...
Ainda para mais o marido fazia anos nesse dia.
No entanto, para grande surpresa, e ao qual muito agradeço, recebi um livro autografado do autor e parti imediatamente para a leitura de “Breve História de Amor” do qual já conhecia alguns dos contos por ir lendo através da página do próprio Tiago Rebelo no facebook. De referir que os contos foram publicados na revista Domingo do Correio da Manhã.
Num registo completamente diferente do que nos habituou, não posso dizer que desgostei de ler este livro. Contudo, também não foi o livro que mais apreciei ler do autor. Talvez porque não seja muito “fã” de contos. Daí ter gostado particularmente do último “Amores Indeléveis” talvez por ser um pouco mais extenso, dando para conhecer um pouco mais das personagens, e para podermos entrar um pouco mais na sua história.
No fundo o que o livro retrata são histórias do dia-a-dia, que podem acontecer a qualquer um de nós, histórias de amor casual ou histórias de amor intenso, mas sempre histórias de amor.
Podem ler um dos contos aqui

Convite- Margarida Rebelo Pinto apresenta Minha Querida Inês - Grémio Literário - 17 Nov - 19h30

Bertrand lança novo livro de Francesco Alberoni: Os Diálogos dos Amantes

Título: Os Diálogos dos Amantes
Autor: Francesco Alberoni
Género: Romance
Tradutor: Maria Nóvoa
Formato: 15 x 23,5 cm
N.º de páginas: 312
Data de lançamento: 4 de novembro
PVP: 16,50 €

O sociólogo que revolucionou os estudos acerca da amizade, do amor e do sexo.
Num futuro próximo, em que a manipulação genética e a neurociência ameaçam a autodeterminação do indivíduo e a unidade da espécie humana, Sakùntala e Rogan exploram desejos e paixões através de um diálogo sem tabus nem inibições. O seu amor, exclusivo e fiel, constrói-se à medida que se vão conhecendo e que vão vivendo experiências eróticas e sentimentais sempre novas.
Através dos seus diálogos, vamos descobrindo um mundo no qual a programação genética vai conduzindo a humanidade a um sistema de castas e à abolição da liberdade de escolha individual, um sistema contra o qual se batem os protagonistas, arriscando a própria vida.
Acima de tudo, exploramos com os dois amantes o derradeiro reduto que é o sexo, o meio através do qual homens e mulheres podem alcançar a mais profunda das intimidades.

Sobre o autor:
Popular sociólogo italiano, Francesco Alberoni nasceu em 1929, em Piacenza, Itália. Licenciado em medicina pela Universidade de Pavia, estudou psicanálise e estatística, tendo desenvolvido investigação no campo das probabilidades. Tornou-se professor de sociologia em 1964, primeiramente em Milão, a que se seguiu Trento, Catania, Lausanne e novamente Milão. Desenvolveu uma teoria dos movimentos coletivos, patente nos seus livros Estado Nascente (1968) e Movimento e Instituição (1977). Alberoni adquiriu renome mundial após a publicação de Enamoramento e Amor (1979), o seu livro mais traduzido e mais vendido. Foi como estudioso do sentimento amoroso que Alberoni encontrou popularidade. Ao dedicar-se a um tema comum até então desprezado pela sociologia, Alberoni levou esta ciência até junto dos leigos, facto pelo qual é louvado por uns e criticado por outros.