segunda-feira, 15 de outubro de 2012

As Cinquenta Sombras mais Negras - E.L. James [Opinião]

Título: As Cinquenta Sombras mais Negras
Autor:
E.L. James
PVP: 17,70€

Perseguida pelos negros segredos que atormentam Christian Grey, a Anastasia Steele separa-se dele, e começa uma carreira numa prestigiada editora de Seattle. Mas por mais que tente, não o consegue esquecer – ele continua a dominar-lhe os pensamentos. E quando Christian lhe propõe reatarem a relação com um novo e diferente acordo, ela não consegue resistir. Aos poucos, uma a uma, começam a revelar-se as Cinquenta Sombras que torturam o seu autoritário e dominador amante.

Enquanto Grey se debate com os seus demónios, e revela a Anastasia um lado inesperadamente romântico, ela vê-se obrigada a tomar a mais importante decisão da sua vida. Uma escolha que só ela pode fazer…


A minha opinião:

Que Cinquenta Sombras de Grey está a ser um fenómeno literário toda a gente sabe. Que muita gente adorou ler este livro denominado “porno para mamãs” também é verdade. Que muita gente gostou e não admite, mais verdade é. Apesar de não ser um fenómeno em termos de escrita, o que é certo é que todos, ou a grande maioria vá, desejam saber que vai continuar a saga de Grey e Anastacia, e querer descobrir quais são realmente as cinquenta sombras do homem desejado por muitas. 
O primeiro livro (opinião aqui) termina com Anastacia a fugir do seu amado Grey porque não consegue aceitar a sua forma de fazer amor, ou melhor, a própria jovem não admite para ela própria que até está a gostar de tanto BDSM.
Já o segundo livro começa com Anastacia no seu novo emprego numa editora e, embora esteja felicíssima, o seu pensamento está sempre em Christian Grey. Acabam por se juntar outra vez a relação entre ambos começa a ficar mais intensa. Grey cede em vários aspectos, mas continua a ser muito dominador, sobretudo no que concerne à tomada de decisões. Mais para o meio do livro Ana descobre o passado obscuro do seu namorado, quando uma ex-submissa se “mete” no seu caminho.
Apesar de Grey ser o modelo de homem desejado por muitas mulheres, confesso que a mim não me atrai em praticamente nada. Dominador excessivo, não deixa Anastacia falar com quase ninguém, e dita quase tudo o que ela pode ou não pode fazer. Tudo bem que é uma pessoa insegura e que o passado influencia toda a sua forma de ser, mas mesmo assim não é dessa forma que se trata uma mulher, que se diz tão inteligente.
O romance entre ambos não vai muito além do sexo escaldante a cada todas as horas do dia e a constante troca de emails também apimenta a relação. No entanto, fiquei curiosa para saber mais sobre o evoluir da relação e as últimas páginas do livro geram curiosidade para saber ainda mais.
Estou à espera, ansiosa, pelo último livro da trilogia que sairá em Novembro.


1 comentário:

C Martins disse...

Ainda não li, mas já esta na calha!! ;)