sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Porto Editora - Literatura Infantil - Chegou a "Hora do Conto"

Coleção: Hora do Conto
Págs.: 48
Capa: integral
PVP: 7,50 €

A Porto Editora publica, a 1 de outubro, quatro histórias destinadas a crianças em idade pré-escolar e, claro, a educadores de infância. Os autores da coleção Hora do Conto são portugueses e abordam, nestas obras, temáticas relacionadas com o universo de conhecimentos próprios da pré-escola.
Cada dia… sua magia, de Lourdes Custódio, Coisas de bichos, de Fernando Mendonça, A ovelha que fazia múuu, de Isabel Fernandes Pinto, e Casinha de bonecos, de Maria Inês Almeida, são os livros que integram esta coleção, que tem como grande mais-valia a diversidade. Os autores exploram temáticas diferentes, através de tipologias de texto também distintas. Há prosa, há poesia e há teatro. E, nelas, tanto existe rima, como existe humor, apelo à imaginação e estímulo à criatividade – ingredientes essenciais para esta faixa etária.
Naturalmente, também as próprias ilustrações, de Sónia Cântara, Zeka Cintra, Luciana Bicalho e Joana Quental têm estilos bastante distintos e que, por isso, enriquecem os livros.
No final de cada título, existem sugestões de atividades para que pais e educadores de infância possam continuar a explorar as respetivas temáticas.

Os livros
 Cada dia… sua magia, de Lourdes Custódio (ilustrações de Sónia Cântara)
Dar a cada dia a sua magia, criativa, diferente mas sempre divertida é a aposta deste livro dedicado às crianças que pode constituir uma mais-valia a quem as ajuda a crescer – pais, educadores, professores, animadores… Os textos abrem caminhos à exploração de aspetos relacionados com cada data a celebrar sem nunca esquecer valores como o amor, a liberdade, a solidariedade e a amizade, não apenas pelos outros mas também pelos animais e pela Natureza. A existência de dias especiais
torna-se uma excelente razão para partilhar, aprender, sorrir e ser feliz. Inclui sugestões de atividades.
Lourdes Custódio nasceu em Luanda, em 1960, e vive na Figueira da Foz. É educadora, formada pela Escola Normal de Educadores de Infância de Coimbra. Até ao momento, a sua obra no domínio da escrita para a infância inclui mais de duas dezenas de títulos, muitos deles recomendados no Plano Nacional de Leitura. Em 2003, o seu livro As filhotas de D. Centopeia venceu o concurso internacional El libro de los cuentos del mundo,
atribuído pela Associación Mundial de Educadores Infantiles, sediada em Madrid

Coisas de bichos, de Fernando Mendonça (ilustrações de Zeka Cintra)
E se a formiga tivesse um carrinho de supermercado para transportar a comida para todo o lado? Ou se a toupeira usasse uma palhinha para respirar para não ter falta de ar? Será que o chimpanzé fica mais feliz se tirar macacos do próprio nariz? Todos os bichos têm as suas características. E nós podemos divertir-nos a imaginar os bichos nas mais diversas situações, juntando-lhes ‘coisas’ da nossa imaginação… Coisas de bichos é uma história em forma de verso que apela ao sentido de humor dos mais
novos, despertando-lhes a criatividade. Inclui sugestões de atividades.
Fernando Mendonça nasceu em 1968 e vive em Estarreja.
É licenciado em História, na variante de História da Arte, pela Universidade de Coimbra e pós-graduado em Gestão Pública pela Universidade de Aveiro. Foi vereador da Cultura, Educação, Juventude, Desporto e Ação Social na Câmara Municipal de Estarreja e exerceu os cargos de adjunto e chefe de gabinete do governador civil de Aveiro. Foi jornalista, professor e, atualmente, é diretor da agência de arte WE ART.
 
A ovelha que fazia múuu, de Isabel Fernandes Pinto (ilustrações de Luciana Bicalho)
Esta ovelha apareceu na aldeia de Campo Benfeito, distrito de Viseu. Começou a rondar a imaginação da sua inventora quando ela percebeu que, de um outeiro da serra do Montemuro, o céu era diferente todas as manhãs e que, ao fim da tarde, no regresso dos trabalhos e dos pastos, as ovelhas baliam de formas distintas. Pensou então que o som homogéneo de um balido igual não existe, senão numa leitura distante das coisas reais. Foi então que a ovelha que fazia múuu lhe apareceu e veio
mostrar que ser diferente não é um problema. É apenas ser o que se é. Inclui sugestões de atividades.
Isabel Fernandes Pinto nasceu no Porto, em 1980. É licenciada em Estudos Teatrais pela ESMAE-IPP, tendo complementado a sua formação de atriz no Laboratoire de Recherches Théâtrales, sediado em Estrasburgo. É também licenciada em Arquitetura pela FAUP, tendo colaborado em gabinetes nacionais e franceses.
É atriz, contadora de histórias e autora de contos e textos para teatro. Em 2005 criou o projeto Faunas – teatro portátil dirigido a jovens – onde escreve, encena e interpreta, que tem levado a várias escolas, bibliotecas e auditórios.

Casinha de bonecos, de Maria Inês Almeida (ilustrações Joana Quental)
Bia e os seus amigos do jardim de infância ficam muito contentes quando conseguem construir uma casinha de bonecos só recorrendo a coisas já usadas, que iam ser deitadas fora. Com embalagens diversas, cola e tintas, deitam mãos à obra, e ficam muito contentes com o resultado. Uma história acerca da imaginação infantil aplicada à criatividade, ou de como do velho se faz novo. Inclui sugestões de atividades.
Maria Inês Almeida nasceu em Lisboa, em 1978.
É jornalista, tendo tirado o curso de Comunicação Social na Universidade Católica. Em 2005 ganhou o Prémio Valorsul com a Reportagem “O Lixo do Dia” e em 2006 foi-lhe atribuído o Prémio Revelação do Clube de Jornalistas. Tem vários livros infantis editados, um deles foi nomeado para Melhor Livro Infantojuvenil de 2011, pela SPA. Recentemente, iniciou-se na literatura juvenil, ao lado de Joaquim Vieira, com a coleção Duarte e Marta, da Porto Editora.

NOVIDADE Planeta - O Espírito de Medjugorje pe. Agostinho Tavares

Título: O Espírito de Medjugorje
Encontro com a Rainha da Paz
PVP: 12,00 Euros
Medjugorje, um lugar de muitas graças da Rainha da Paz
Medjugorje é o local privilegiado de peregrinação desde 1981 onde acorrem milhares de peregrinos de todas as nacionalidades e crenças. Em Medjugorje sente-se a presença de Maria, e muitos beneficiaram de curas físicas, espirituais e da alma, por intercessão da Rainha da Paz.
Nunca antes na história mariana registada houve relatos de todo o mundo que a Nossa Senhora aparecesse diariamente há tanto tempo a tantos videntes com tanto impacto no mundo como acontece em Medjugorje, um recanto encantador e sagrado e onde Maria nos embala para que cheguemos à Luz.
O Espírito de Medjugorje explica de forma detalhada o que é Medjugorje através das mensagens e à luz do Evangelho de Jesus Cristo, e é a resposta à Rainha da Paz que nos convida insistentemente a ser «alegres mensageiros» das suas mensagens de paz e de amor. Convite irrecusável, irresistível que tão terna, paciente e amorosamente a Rainha da Paz tem vindo a confiar aos videntes e, através deles, a cada um de nós e a todo o mundo, porque nos ama entranhadamente a todos, crentes e não crentes...
Que luz nos oferece Medjugorje? O que Medjugorje tem de especial? «A experiência vivida, só em si, oferece a muitos que ali vão, a descoberta ou o reencontro com o amor de Deus...»  

Sobre o autor:
O padre Agostinho Tavares, missionário espiritano, viveu como missionário em Angola de 1980 a 1987. Tendo regressado a Portugal, foi Mestre de Noviços, durante vários anos e após uma especialização em acompanhamento espiritual e psicológico, exerceu as funções de Director do CESM, Centro Espírito Santo e Missão. Encontra-se actualmente em missão no Paraguai e tem vasta obra publicada.

Daisy Goodwin autora de "A Última Duquesa" em Portugal

A Esfera dos Livros convidou a prestigiada escritora inglesa Daisy Goodwin para vir a Lisboa no dia 15 de Outubro falar sobre o livro A Última Duquesa, um romance passado na fascinante Inglaterra do final do século XIX.

Este livro esteve durante meses no TOP dos mais vendidos do New York Times e foi aclamado por toda a imprensa estrangeira como pode ver pelas citações abaixo.

«Um fabuloso prazer proibido… o descanso de ler uma novela que coloca o entretenimento em primeiro plano é tão raro e gratificante que estou pronta para a sequela.», Amanda Foreman, Sunday Telegraph.

«Uma deliciosa recriação – um choque de culturas na Inglaterra dos finais do século XIX – adornada com toda a ostentação da época.», Marie Claire.

«Uma novela agradável com todos os ingredientes para uma prazenteira tarde de leitura…. É puro entretenimento, alegre e sem pretensões.», Sunday Express.
 
«Reúne os grandes êxitos da literatura: há um duque misterioso, uma mulher cheia de segredos e uma grande quantidade de informação da época sobre o guarda-roupa para ir andar de barco, à ópera ou jantar. Altamente recomendável.», Wendy Holden, Daily Mail

«Brilhante e absolutamente cativadora… muito agradável.», The Sunday Times

Cora Cash, possivelmente a herdeira mais rica da América nos anos 1890, foi criada a acreditar que o dinheiro lhe podia abrir qualquer porta. Bonita, com um guarda-roupa invejável, vive no meio do luxo de uma mansão em Newport. Mas a sua autoritária mãe deseja vê-la casada com um nobre inglês. Pouco interessada nos sentimentos da filha, envia-a para Inglaterra para garantir o tão desejado casamento aristocrático. Cora fica consternada com a receção. As grandes casas que frequenta são geladas e muito desconfortáveis. Sem casa de banho e aquecimento central. Os corredores enchem-se de intrigas, e nas caves, nas alas dos criados, reina a coscuvilhice. Só quando perde o seu coração para o duque de Warehamm, um misterioso homem que quase não conhece, é que Cora percebe que está a jogar um jogo para o qual não está devidamente preparada, que não entende, mas onde a sua felicidade futura pode ser o preço.

Sobre a autora:
Daisy Goodwin trabalha como produtora e apresentadora de televisão. Formada em História pela Cambridge University, frequentou a Columbia Film School. Editou várias antologias de poesia incluindo o bestseller 101 Poems That Could Save Your Life. É autora de Silver River, a memoir. Pertenceu ao painel de jurados em 2010 do prestigiado prémio Orange Prize for Fiction. My Last Duchess é o seu primeiro romance.

Novidade Nascente: O Verdadeiro Código da Vida

A vida não é justa. Coisas más acontecem a pessoas boas. Todos sentimos que, se fizermos tudo como deve ser, se trabalharmos muito, e se cuidarmos de nós e daqueles que amamos, as nossas vidas decorrerão tranquilamente. Mas, um dia, acontece alguma coisa que vira a nossa vida ao avesso, e que nos faz ficar desiludidos e perturbados. Foi o que aconteceu ao autor, Ken Druck, quando teve de enfrentar a morte trágica da sua filha de 21 anos.

Durante o seu luto, aprendeu a aceitar que a recuperação completa de uma tragédia é um mito e a cura total demora a vida inteira. No processo, descobriu um verdadeiro código da vida, com regras pelas quais ela deve ser conduzida.

As regras da vida são duras, mas são reais. Se as reconhecer e aceitar, aprenderá a lidar mais facilmente com qualquer problema ou crise que tenha de enfrentar.

Guerra e Paz: «O Soberano Lusitano», uma homenagem a um dos maiores patrimónios nacionais, o cavalo lusitano

Título: Soberano Lusitano
Autor: Rui Esteves da Costa
Género: Ficção - Romance
PVP: 13,90€
Data de lançamento: 21 de Setembro

«Mais do que cavalos de sonho, este livro faz-nos pensar no sonho que eles podem ser nas nossas vidas.
A mim, fez-me pensar na parte da história do cavalo lusitano que já deixámos que outros levassem»
Ana Lourenço, pivô da SIC Notícias

«Soberano Lusitano», da autoria de Rui Esteves Costa e com prefácio do aclamado cavaleiro Paulo Caetano, é o primeiro romance português sobre o cavalo lusitano.
Num romance protagonizado por um cavalo lusitano, descubra uma história de amor ardente, um mundo de paixão.
Na madrugada de 13 de Abril nascia, na Golegã, o cavalo que seria baptizado e conhecido como o Soberano. A milenar raça portuguesa deu-lhe o resto do nome: Soberano Lusitano. Cruza a fronteira e começa a ganhar fama na tradição ibérica do toureio. Em Sevilha, encontra aquele que será o seu companheiro de aventuras, Paco Montés, um jovem cavaleiro que faz furor em Espanha, arrojando na arte de tourear. No entanto, o destino dos dois vai sofrer uma reviravolta surpreendente e levá-los até ao Brasil, casa dos maiores compradores da raça. No Rio de Janeiro o jovem cavaleiro há-de conhecer Florena, a fogosa mulher que mudará o rumo da história de paco e do Soberano Lusitano.

Sobre o autor:
Rui Esteves da Costa nasceu em 1968, numa aldeia da Beira Baixa. Licenciou-se em Direito pela Universidade de Lisboa e especializou- se em Gestão de Instituições Financeiras, na Universidade Católica, sector onde exerce a sua vida profissional. Para além dos três filhos, as suas grandes paixões são a sua coudelaria, onde faz criação de cavalos lusitanos, e os livros. Este e o seu primeiro romance 

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Lançamento de Poesia Reunida, de Maria do Rosário Pedreira, no dia 26 de setembro, na Ler Devagar


Lua de Papel publica As Cinquenta Sombras mais Negras a 1 de Outubro

Título: As Cinquenta Sombras mais Negras
Autor:
E.L. James
PVP: 17,70€
Data de publicação: 1 de Outubro

A Lua de Papel edita o segundo volume da trilogia mais vendida em todo o mundo que ocupa há vários meses o primeiro lugar da tabela de vendas em Portugal. O primeiro volume, As 50 Sombras de Grey, esgotou sete edições, num total de 65 mil exemplares, em menos três meses.


Perseguida pelos negros segredos que atormentam Christian Grey, a Anastasia Steele separa-se dele, e começa uma carreira numa prestigiada editora de Seattle. Mas por mais que tente, não o consegue esquecer – ele continua a dominar-lhe os pensamentos. E quando Christian lhe propõe reatarem a relação com um novo e diferente acordo, ela não consegue resistir. Aos poucos, uma a uma, começam a revelar-se as Cinquenta Sombras que torturam o seu autoritário e dominador amante.

Enquanto Grey se debate com os seus demónios, e revela a Anastasia um lado inesperadamente romântico, ela vê-se obrigada a tomar a mais importante decisão da sua vida. Uma escolha que só ela pode fazer…

Sobre a autora:
A britânica EL James trabalhava até agora como produtora de televisão em Londres. Desde criança que sonhava escrever histórias que apaixonassem os leitores, mas teve de suspender esse sonho para se focar na sua família e na carreira. Quando ganhou coragem, passou 18 meses a escrever o seu primeiro romance, que deu início à mais ousada, discutida e polémica trilogia do século XXI.


Eleita como uma das 100 personalidades mais influentes do ano pela revista Time, EL James está actualmente a escrever uma nova história de amor e a discutir com os estúdios cinematográficos quem fará o argumento e protagonizará a história (a Universal comprou os direitos). O célebre escritor norte-americano, Bret Easton Ellis, autor de O Psicopata Americano, ofereceu-se, no twitter, para escrever o argumento e depois avisou que afinal não tinha sido convidado. EL James já disse que a personagem principal deveria ser entregue a uma actriz desconhecida e que o uma mulher deveria escrever o argumento.

Saiba mais em www.eljamesauthor.com


Assírio & Alvim com novo 'site'

A partir de hoje, a Assírio & Alvim tem um novo site, em www.assirio.pt.

Nesta página, os leitores poderão inteirar-se das últimas novidades, consultar as notícias sobre a Assírio & Alvim, conhecer melhor os seus autores favoritos e adquirir comodamente os livros da editora. Para que a poesia possa preencher um pouco do quotidiano, os visitantes poderão ainda consultar um poemário online, onde todos os dias será publicado um novo poema.
 

Festa lançamento dos livros de Tatiana Salem Levy e Luiz Ruffato. A colecção de ficção da tinta-da-china abre as portas ao Brasil‏


Guerra & Paz: «Vinte Anos de Televisão Privada em Portugal», num só livro e pela voz dos protagonistas o passado, o presente e o futuro da televisão privada

Título: «Vinte Anos de Televisão Privada em Portugal»
Género:
Não Ficção - Televisão
PVP: 15,99€
Data de lançamento: 21 de Setembro

Num só livro e pela voz dos protagonistas o passado, o presente e o futuro da televisão privada.

O assunto do momento, a privatização da RTP, surge contextualizado por 20 anos de história e pelas perspectivas do futuro da televisão privada em Portugal

Conheça a visão crítica de Francisco Pinto Balsemão, Miguel Paes do Amaral, José Eduardo Moniz, Miguel Relvas, José Alberto Azeredo Lopes, entre outros.

O livro «Vinte anos de Televisão Privada em Portugal», de Felisbela Lopes, traz a público 20 entrevistas com personalidades que tiveram responsabilidades políticas e, empresariais, que comandaram o entretenimento, a informação e regulação da televisão privada em Portugal.
Felisbela Lopes lança as questões e dá a palavra aos decisores.
Um livro essencial para compreender 20 anos de história, 20 anos de televisão.

Testemunhos de: Aníbal Cavaco Silva; Alberto Arons de Carvalho; Nuno Morais Sarmento; Miguel Relvas; Francisco Pinto Balsemão; Miguel Paes do Amaral; Guilherme Costa; José Eduardo Moniz;
Luís Marques ; António Luís Marinho; António Rego; Alcides Vieira; José Alberto Carvalho; Nuno Santos; Júlia Pinheiro; Piet Hein Bakker; Adriano Luz; Marcelo Rebelo de Sousa; José Manuel Paquete de Oliveira; José Alberto Azeredo Lopes. 


Sobre a autora:
Felisbela Lopes é professora associada de Jornalismo na Universidade do Minho, onde ocupa actualmente o cargo de pró-reitora. Doutorada em Informação Televisiva, é investigadora principal em projectos nas áreas de Jornalismo Televisivo e Comunicação na Saúde. Além de presença regular no espaço televisivo, é autora de dezenas de artigos e livros, entre os quais se destacam A TV do Real (Minerva, 2008), A TV das Elites (Campo das Letras, 2007) e O Telejornal e o Serviço Público (Minerva, 1999).

Guerra & Paz: «Histórias de uma Revolução: SIC 20 anos, os Bastidores da Informação» a verdade que está por trás da Informação contada na primeira pessoa

Título: «Histórias de uma Revolução: SIC 20 anos, os Bastidores da Informação»
Género: Não Ficção - Televisão
PVP: 15,99€
Data de lançamento:
21 de Setembro


«Há momentos em que esquecemos tudo,
 
 o satélite que arriou e arrastou do alinhamento a peça de abertura programada, desenhada, pensada, orçamentada...,
a entrevista mais cobiçada, a notícia mais desejada. A Ruela levou um tiro»
Alcides Vieira


«Histórias de uma Revolução: SIC 20 anos, os Bastidores da Informação» chega às livrarias a 21 de Setembro. O lançamento acontece dia 27 de Setembro, às 18h30, no El Corte Inglés. A apresentação estará a cargo de Dr. Francisco Pinto Balsemão, com a presença de Luís Marques e Alcides Vieira


Ainda se lembra de quando começou a televisão privada?
A 6 de Outubro de 1992, a SIC inaugurou outra forma de fazer inovação televisiva em Portugal. As câmaras da SIC filmavam as situações concretas no país real, dando a palavra aos cidadãos. Pela primeira vez, os actores políticos, os diferentes detentores de poderes públicos e privados, sentiram que, com a SIC, não havia tabus: todas as perguntas iam ser feitas. A SIC foi a revolução que trouxe a democracia televisiva.
Agora, os jornalistas da SIC escrevem, em livro, as histórias que o público desconhece. Histórias dramáticas, memórias risonhas, momentos de alta tensão em 44 crónicas assinadas por Rodrigo Guedes de Carvalho, Clara de Sousa, Maria João Ruela, Ricardo Costa e muitos outros jornalistas da SIC. Em «Histórias de uma Revolução: SIC 20 anos, os Bastidores da Informação» a verdade que está por trás da Informação contada na primeira pessoa.

Autores do livro:  

Alcides Vieira; Amélia Moura Ramos; Anabela Neves;
Ana Luísa Galvão Ana Paula Almeida; Anselmo Crespo; António Cancela; António José Teixeira; Augusto Madureira; Aurélio Faria; Bento Rodrigues; Bernardo Ferrão Carla Castelo; Carlos Rico;Carlos Rodrigues Clara de Sousa; Cristina Boavida; Dulce Salzedas Elsa Gonçalves; Fernanda de Oliveira Ribeiro; Fernando de Sousa; Henrique Cymerman; Isabel Horta; Ivani Flora; Joaquim Franco; José Gomes Ferreira; José Ribeiro da Silva; Lourenço Medeiros; Lúcia Gonçalves; Luís Costa Ribas; Luís Garriapa; Maria João Ruela; Miguel Ribeiro Nuno Luz; Paula Castanho; Paulo Nogueira; Paulo Varanda; Pedro Coelho; Pedro Cruz; Ricardo Costa; Rodrigo Guedes de Carvalho; Sofia Pinto Coelho; Teresa Conceição; Teresa Dimas


quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Novo livro de Don DeLillo O anjo Esmeralda é a primeira coletânea de contos do escritor americano

Título: O anjo Esmeralda
Autor:
Don DeLillo
Tradutor: Paulo Faria
Págs.: 232
PVP: € 18,80


Don DeLillo é um dos mais importantes escritores americanos e, na sua obra, são os romances que têm tido maior destaque. Agora, é na arte do conto que vai surpreender: O anjo Esmeralda, que a Sextante Editora publica a 27 de setembro, é o seu livro mais recente e a sua única coletânea de contos.
Elogiado por escritores como Martin Amis e Jonathan Franzen, O anjo Esmeralda reúne nove contos de Don DeLillo escritos entre 1979 e 2011, que oferecem uma visão panorâmica e, por vezes, premonitória, das últimas décadas da América e dos americanos, das suas vidas e rotinas, classes sociais, hábitos e peculiaridades.

Sobre o livro:
De um dos maiores escritores do nosso tempo, a sua primeira coletânea de contos, escritos entre os anos 1979 e 2011, histórias de três décadas da vida norte-americana. Situadas na Grécia, nas Caraíbas, em Manhattan, numa prisão para criminosos de colarinho branco ou no espaço sideral, estas nove histórias são uma inolvidável introdução à voz icónica de Don DeLillo, desde os ricos e marcados ritmos jazzísticos dos seus primeiros escritos até à linguagem frugal, depurada e monástica das suas histórias mais recentes. Freiras, astronautas, atletas, terroristas e viajantes, as personagens d’O anjo Esmeralda entram de moto próprio no mundo e definem-no. Estas nove histórias descrevem a extraordinária viagem de um grande escritor cuja premonição dos acontecimentos do mundo marcou a nossa paisagem literária.


Sobre o autor:
Don DeLillo nasceu em 1936, em Nova Iorque. É autor de vários romances e peças de teatro. Foi galardoado com o National Book Award, o PEN/Faulkner Award e o Jerusalem Prize. Submundo foi finalista dos prémios Pulitzer e do National Book Award; em 2006, foi considerado um dos três melhores romances dos últimos vinte e cinco anos pela New York Times Book Review.


Imprensa:
Os deuses equiparam DeLillo com as antenas de um visionário… Adorei O anjo Esmeralda. Martin Amis
DeLillo penetra mais profundamente no mistério da nossa mortalidade do que julgaríamos possível um escritor conseguir. Jonathan Franzen
DeLillo é desde há muito o nosso mais premonitório escritor, o homem cuja imaginação se comporta como uma bola de cristal. Vince Passaro, The Oprah Magazine
DeLillo retrata uma América na servidão da celebridade, da tecnologia e dos mass media… Dá-nos um sentido visceral de como as vidas privadas e os acontecimentos públicos, o pessoal e o coletivo podem convergir com força explosiva. The New York Times
DeLillo tem a misteriosa arte de criar frases que traduzem o sentir e o ritmo da vida americana, e um sentido de humor devastador que vem ao de cima nos momentos mais surpreendentes. Newsweek

Amanhã: Ana Luísa Amaral participa nos Encontros na Leitura

Numa altura em que se prepara para lançar Como Tu (Booklândia, 2012), destinado aos mais jovens, a poetisa e docente universitária Ana Luísa Amaral vai estar na Leitura Shopping Cidade do Porto, esta quinta-feira, 20 de setembro, às 21h00, para participar em mais uma sessão de O Que Arde, Cura | Encontros na Leitura, iniciativa da Leitura em parceria com o Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa da Faculdade de Letras da Universidade do Porto. A sessão vai ser moderada por Marinela Freitas.
Ana Luísa Amaral nasceu em Lisboa, em 1956. Licenciou-se em Germânicas pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, instituição onde leciona Literatura e Cultura Inglesa e Americana, Estudos Feministas e Estudos queer. Doutorou-se em 1995 com uma tese sobre a poesia de Emily Dickinson.
O seu primeiro livro de poesia, Minha Senhora de Quê (Quetzal), data de 1990. Desde então, tem vindo a publicar regularmente poesia, teatro e literatura para a infância. Em 2007, venceu o Prémio Literário Casino da Póvoa, com a obra A Génese do Amor (Campo das Letras). No mesmo ano, foi galardoada em Itália com o Prémio de Poesia Giuseppe Acerbi. Já em 2008, o seu livro Entre Dois Rios e Outras Noites (Campo das Letras) obteve o Grande Prémio de Poesia da Associação Portuguesa de Escritores. A sua poesia encontra-se reunida no volume Inversos: Poesia 1990-2010 (Dom Quixote, 2010).
Destaca-se ainda a sua atividade enquanto tradutora. Verteu para português Ponto Último e Outros Poemas, de John Updike (Civilização, 2009). Traduziu, posfaciou e organizou o volume Cem Poemasde Emily Dickinson (Relógio d’Água, 2010). De momento, encontra-se em pré-lançamento Como Tu (Booklândia, 2012), uma obra destinada aos mais jovens que conjuga a poesia e a ilustração na abordagem às temáticas da sexualidade, do civismo e o do ambiente.
O Que Arde, Cura | Encontros na Leitura pretende ser um espaço de discussão, partilha de ideias e experiências e de convívio. Estes encontros podem ter como convidados os próprios autores dos livros em análise, estabelecendo pontes entre a visão dos leitores e a conceção que os criadores têm da sua obra.

Novidade Quetzal: Onde Andará Dulce Veiga?

Título: Onde Andará Dulce Veiga?
Autor:
Caio Fernando Abreu
Género: Romance
Páginas: 280
Data de lançamento: 21 de Setembro
Editor: Quetzal

PVP: 15,50€

Próximo do filme negro - e adaptado ao cinema em 2007 - Onde Andará Dulce Veiga - Um romance B tem como personagens principais uma mulher fatal - a atriz e cantora que provocara um curto furor e que desaparecera nos anos 1960 - e um homem em decadência, moralmente ambíguo - o jornalista - e narrador da história - que é incumbido de investigar o misterioso desaparecimento da diva. A estes junte-se ainda a filha de Dulce Veiga, uma roqueira underground lésbica.

Na demanda, que é também uma exploração interior do narrador, descemos ao submundo da música, das drogas, da homossexualidade e da prostituição, e percorremos o Brasil até à floresta amazónica, numa travessia tão violenta quanto poética.

«Seu estilo é uma lição de como as feridas tristes podem ser tratadas num texto esplêndido.»
  Segundo Caderno

Sobre o autor:
Caio Fernando Loureiro de Abreu nasceu no Brasil, em Santiago de Boqueirão em 1948. Foi contista, romancista, dramaturgo e jornalista, tendo publicado mais de uma dezena de livros.
Cursou Letras e Arte Dramática mas abandonou ambos os cursos para se dedicar ao jornalismo. Mudou-se para São Paulo em 1968, após ser selecionado para compor a primeira redação da revista Veja. 
Na década de 1980, escreveu para algumas revistas e tornou-se editor do semanário Leia Livros. Em 1990, lançou em Londres a tradução inglesa do seu livro Os Dragões Não Conhecem o Paraíso. Em França, em 1994, a convite da Maison des Écrivains Étrangers et des Traducteurs de Saint Nazaire, escreveu a novela Bien Loin de Marienbad. Em setembro do mesmo ano publicou na sua coluna semanal, no jornal O Estado de S. Paulo uma série de três cartas denominadas Cartas para Além do Muro, onde declarava ser seropositivo. 
Caio Fernando Abreu morreu em Porto Alegre em 1996.


A Culpa é das Estrelas - John Green [Opinião]

Título: A Culpa é das Estrelas
Autor:
John Green
Editor: Edições Asa
N.º de Páginas: 256

Apesar do milagre da medicina que fez diminuir o tumor que a atacara há alguns anos, Hazel nunca tinha conhecido outra situação que não a de doente terminal, sendo o capítulo final da sua vida parte integrante do seu diagnóstico. Mas com a chegada repentina ao Grupo de Apoio dos Miúdos com Cancro de uma atraente reviravolta de seu nome Augustus Waters, a história de Hazel vê-se agora prestes a ser completamente rescrita. PERSPICAZ, ARROJADO, IRREVERENTE E CRU, A Culpa é das Estrelas é a obra mais ambiciosa e comovente que o premiado autor John Green nos apresentou até hoje, explorando de maneira brilhante a aventura divertida, empolgante e trágica que é estar-se vivo e apaixonado.

A minha opinião:


Não tenho grandes palavras para descrever este livro. No final fica-se com a sensação de querer ler mais, querer saber mais sobre Hazel Grace, tal como ela ficou quando terminou de ler “Uma aflição imperiosa”.

Hazel é uma adolescente de 16 anos que sofre de cancro. Um cancro detectado na tiróide aos 13 anos, com metástases nos pulmões. Doente terminal foi aconselhada a fazer parte de um Grupo de Apoio a crianças com cancro, mas não se sente bem integrada até aparecer Augustus Waters, um jovem de 17 anos, livre de um osteossarcoma, há um ano e meio. Augustus aparece para apoiar um outro amigo, mas depressa surge uma grande amizade entre ele e Hazel, uma amizade que se vai transformar em amor.

Escrevendo sobre uma doença terminal de uma forma directa e sem papas na língua, ao mesmo tempo que nos brinda com frases com alguma ironia, Green consegue atingir-nos directamente, mostrando o dia a dia de uma pessoa com uma doença grave, mas também das pessoas que a rodeiam, os familiares e uns poucos amigos que conseguem “sobreviver” à doença. Sim, porque esta é uma doença solitária, uma doença que deixa Hazel apenas com a companhia de uma amiga fugaz, cuja amizade se vai desvanecendo, a dos amigos que partilham a mesma doença.

John Green conseguiu envolver-me de tal maneira neste A Culpa é das Estrelas que fiquei curiosa para ler outro livro editado em Portugal, À procura de Alaska.

Excertos:

“Por mais impulso que se dê, por mais alto que se chegue, não se consegue dar a volta completa." (pág. 105)

"Viver hoje a nossa melhor vida!" (pág. 111)
"A evidência física da doença separa-nos das outras pessoas." (pág. 120)
“O sofrimento não nos muda, Hazel. Revela-nos.” (pág. 231).

Novidades Asa para Outubro

Título: O Grande Amor da Minha Vida
Autor: Paulina Simons
Data de publicação: 8 de Outubro
Tatiana vive com a família em Leninegrado. A Rússia foi flagelada pela revolução, mas a cidade mais cosmopolita do país guarda ainda memórias do glamour do passado. Bela e vibrante, Tatiana não deixa que o dramatismo que a rodeia a impeça de sonhar com um futuro melhor. Mas este será o pior e o melhor dia da sua vida.
O dia assombroso em que conhece aquele que será o seu grande e único amor. Ameaçados pela implacável máquina de guerra nazi e pelo desumano regime soviético, Tatiana e Alexander são arremessados para o vórtice da História, naquele que será o ponto de viragem do século XX e que moldará o mundo moderno.
Título: Guiness 2013, de Guiness World Records
Data de publicação: 8 de Outubro
Ao longo dos últimos 12 meses, os gestores de recordes do GWR processaram cerca de 50 000 pedidos. Desses, menos de 5000 conseguiram ultrapassar o rigoroso processo de ratificação – abrangendo desde o mais alto cão de sempre (com 1118 m) e o preço mais elevado pago por uma obra de arte num leilão (119,9 milhões de dólares); ao maior número de conquistas do Monte Everest (21).
Neste livro poderá encontrar detalhes completos sobre todos estes e muitos mais recordes nas ilustradas páginas do GWR 2013!
Título: A teia de aranha
Autor: Agatha Christie
Data de publicação: 8 de Outubro
Clarissa, mulher de um diplomata, gosta de sonhar acordada. “Imagina que um dia eu encontrava um cadáver na biblioteca, qual seria a minha reação?”, diz num devaneio. O que ela não podia prever é que vai ter oportunidade de descobrir precisamente isso quando tropeça num corpo… na sua própria sala!
Desesperada, convence os seus amigos a ajudá-la a livrar-se do morto, sabendo que, entre eles, está o assassino. E se um inspetor da polícia chegasse de repente…?
Escrito originalmente por Agatha Christie em 1954 como uma peça de teatro, A Teia de Aranha (Sipder’s Web) foi adaptada para romance por Charles Osborne em 2000.
Título: A noiva despida
Autor: Nikki Gemmell
Data de publicação: 15 de Outubro
Uma mulher desaparece.  Ela era a esposa perfeita, a mãe exemplar, uma mulher irrepreensível.  O que dizer então do explosivo diário que deixa para trás?  Nas suas páginas, ela revela pormenores surpreendentes da sua jornada de descoberta e libertação sexual.
A Noiva Despida é uma aventura nos meandros do sexo e do amor. Uma partilha de confidências que apenas as melhores amigas ousam fazer. No final, é impossível evitar a pergunta: até que ponto conhecemos verdadeiramente outra pessoa?

Título: O Sedutor
Autor: Madeline Hunter
Data de publicação: 22 de Outubro
Diane Albret é órfã e passou a maior parte da sua vida num colégio interno. Sem mais família, está habituada a receber apenas uma visita: Daniel St. John, o seu irresistível tutor. Ao longo do tempo, ele visitou-a sempre uma vez por ano. Mas o seu mais recente encontro reserva-lhe uma surpresa: Daniel esperava encontrar uma menina e Diane é já uma bela e carismática mulher. Ele aceita retirá-la da clausura do colégio e levá-la consigo para Londres. Porém, ambos têm planos que preferem manter em segredo.
Mas a crescente proximidade entre ambos ameaça dificultar-lhes os planos e, pouco a pouco, eles apercebem-se de que têm mais em comum do que julgavam. Poderá um novo amor triunfar sobre ódios antigos?
Título: Escravas
Autor: Zana Muhsen e Miriam Ali
Data de publicação: 29 de Outubro
Filhas de pai iemenita e mãe britânica, Zana e Nadia nasceram em Inglaterra, onde viveram até ao dia em que o pai lhes propôs uma visita ao Iémen. As irmãs acreditaram estar perante umas férias de sonho: iam conhecer a família paterna e o país sobre o qual ouviam histórias desde meninas.
Zana e a mãe, Miriam, fizeram então uma promessa: trazer Nadia e os filhos de ambas para Inglaterra. Acreditavam que os homens da sua família e os governos dos dois países tomariam uma atitude. Estavam enganadas. Para ambas, começava mais um longo calvário. Perante a indiferença da comunidade internacional, Nadia continua cativa no Iémen. Zana e Miriam não desistem da sua luta. Escravas é um pedido de ajuda. Um grito de revolta. Um documento fundamental sobre uma das práticas mais aberrantes do mundo contemporâneo.

terça-feira, 18 de setembro de 2012

Porto Editora publica 'Marcelo Caetano - Tempos de Transição'

Título: Marcelo Caetano – Tempos de Transição
Autor:
V.A.
Págs: 528
PVP: 19,90 €


anos após a tomada de posse do Governo de Marcelo Caetano, a Porto Editora publica Marcelo Caetano – Tempos de Transição. Este livro, que chega às livrarias no dia 27 de setembro, reúne depoimentos que permitem conhecer melhor a governação e a vida privada de um dos protagonistas do antigo regime.
Organizado por Manuel Braga da Cruz e Rui Ramos, Marcelo Caetano – Tempos de Transição compila testemunhos de apoiantes e opositores do Governo de Caetano, passando por temas como o Ultramar, a Economia, a Revisão Constitucional, a Educação e a Diplomacia. Os textos de Ana Maria Caetano, Pedro Feytor Pinto e Marcelo Rebelo de Sousa apresentam-nos o seu lado mais íntimo.
O lançamento deste livro vai realizar-se no dia 30 de outubro, às 18:30, no Círculo Eça de Queiroz, em Lisboa.
O LIVRO
O presente livro recolhe os depoimentos prestados durante o ciclo de debates «Tempos de Transição», realizados entre setembro de 2008 e janeiro de 2009, em Lisboa, com organização do Centro Nacional de Cultura, do Círculo Eça de Queiroz, do Grémio Literário e da SEDES. O objetivo foi suscitar os testemunhos de protagonistas e contemporâneos da governação de Marcelo Caetano entre 1968 e 1974, procurando ser o mais abrangente possível. Assim, foram recolhidos e discutidos depoimentos sobre a personalidade e a intimidade de Marcelo Caetano (Ana Maria Caetano, Pedro Feytor Pinto e Marcelo Rebelo de Sousa), e sobre a vida política da época, especialmente no que diz respeito à Ala Liberal (João Salgueiro, Elmano Alves, José Luís Nogueira de Brito, João Bosco Mota Amaral e Francisco Pinto Balsemão), à revisão constitucional de 1971 (Jorge Miranda, Miguel Galvão Teles), ao Ultramar (Abdool Karim Vakil, Walter Marques, Abel Couto, José Capela e Fernando Amaro Monteiro) e à diplomacia (Rui Patrício, José Manuel Villas-Boas e Luiz Figueira). Foram igualmente cobertos os grandes temas e áreas da governação: a Economia, as Finanças e as Obras Públicas (J. Mota de Campos, Rogério Martins, Valentim Xavier Pintado, João Oliveira Martins e Alexandre Vaz Pinto), e a Educação, a Segurança Social e a Saúde (José Veiga Simão, Joaquim Silva Pinto, Raquel Ribeiro, Duarte Ivo Cruz). Finalmente, ficaram registadas as críticas, dissidências e oposições suscitadas pelo Governo de Marcelo Caetano (Zita Seabra, António Reis e José Miguel Júdice).
Em nenhum momento, apesar do natural envolvimento e emoção de muitos dos participantes ao evocarem trechos da sua vida, houve outra intenção que não a de deixar contributos para o estudo de uma época crucial da História portuguesa.

Novidades Esfera dos Livros para Setembro

Título: Mulheres Livres 
Autor: Maria de Belém Roseira
Colecção: História Divulgativa
P.V.P: 18 €
Páginas: 235

Lançamento no dia 27 de outubro, 18h30, Fnac do Colombo. Apresentação por Leonor Beleza e Júlio Machado Vaz


Carolina Beatriz Ângelo, a primeira mulher a votar em Portugal, obrigou o tempo a andar à frente do seu tempo. Marie Curie, duas vezes Prémio Nobel, tinha nas suas veias a sede do conhecimento. A primeira mulher primeira-ministra do seu país, Benazir Bhutto, representou uma pedra no charco do mundo islâmico. A bailarina e coreógrafa Isadora Duncan e a pintora Frida Kahlo viveram a sua arte em total liberdade. Maria de Lourdes Pintasilgo, contra tudo e contra todos, ascendeu a um lugar nunca antes imaginado ser possível alcançar por uma mulher, o cargo de primeira-ministra de Portugal, quebrando tabus instituídos. Eleanor Roosevelt imprimiu o seu nome na História universal. Simone Veil, sobrevivente do Holocausto, marcou a política francesa. Hannah Arendt, a provocadora filósofa política, inquietou mentes humanas. As escritoras vanguardistas Virginia Woolf e Simone de Beauvoir deixaram o seu marco na literatura. Dolores Ibárruri Gómez, La Pasionaria, sacrificou a sua vida em prol da luta por aquilo em que acreditava.


Sobre a autora:Maria de Belém Roseira conta-nos a história destas mulheres excecionais que, nas mais diferentes áreas, da ciência à literatura, da política à filosofia, lutaram pelos seus ideais, defenderam as suas ideias, ultrapassando com perseverança e resiliência os mais variados obstáculos. Desprenderam-se das amarras que tentavam silenciar a sua voz e calar a sua liberdade e não se deixaram influenciar pela crítica ou pelo preconceito das suas épocas, abrindo espaço ao progresso da sociedade. Todas com uma coragem e determinação que fazem delas mulheres livres.Maria de Belém Roseira licenciou-se em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra em 1972. Ministra da Saúde, ministra para a Igualdade e deputada em várias Legislaturas. Neste âmbito foi presidente da Comissão Parlamentar de Saúde, tendo desenvolvido uma intensa intervenção que passou por ser proponente de várias iniciativas importantes que marcam o progresso do País, como a Lei da Paridade e a Lei da Procriação Medicamente Assistida. Foi, ainda, presidente da Comissão de Inquérito sobre a situação que levou à nacionalização do Banco Português de Negócios e sobre a supervisão bancária inerente. Foi presidente da Assembleia Mundial de Saúde da Organização Mundial de Saúde. É presidente do Partido Socialista.
 
Título: Mesa Real Dinastia de Bragança
Autor:
Ana Marques Pereira
Colecção: História divulgativa

P.V.P: 24 €
Páginas: 304 + 48 extratextos

Lançamento dia 3 de outubro, 18h30. Espaço de autor da Bertrand Chiado. Apresentação por Ana Isabel Buescu e Álvaro de Carvalho

Esta história começa em Vila Viçosa com o casamento do duque de Bragança, futuro D. João IV com D. Luísa de Gusmão, que encheu os salões do palácio para um magnífico e requintado banquete. Com a subida ao trono em 1640 e o início da Dinastia de Bragança, a corte muda-se para Lisboa, ganha novos hábitos alimentares e de aparato.
Ao longo destas páginas vamos conhecendo os hábitos alimentares dos reis e da sua corte durante 270 anos, da progressiva introdução dos alimentos, às modas e orientações sociais e religiosas que condicionaram a seleção dos mesmos, os objetos usados na mesa, as cozinhas e os tipos de utensílios usados, as técnicas e formas de confeção e o protocolo à mesa que foi evoluindo ao longo dos tempos.
Depois de uma apurada e exaustiva pesquisa, com a consulta de variados arquivos pessoais e de bibliotecas, Ana Marques Pereira apresenta-nos uma obra original, que nos mostra que a história da mesa não se baseia apenas em receituários. Esta viagem amplamente ilustrada com quadros, azulejos, gravuras, ementas régias, imagens de grandes baixelas e objetos de porcelana e vidro, termina com o fim da monarquia e a chegada da Primeira República.
O último ato público do rei D. Manuel foi exatamente num banquete em honra do presidente da República brasileiro de visita ao país. Poucos dias depois a revolução estava na rua e a família real partia para o exílio falhando a programada visita de Sua Majestade ao Vidago, no dia 6 de outubro. A recordar essa data ficaria a ementa já impressa de um banquete que não passaria do papel.


Sobre a autora:
Ana Marques Pereira, natural de Castelo Branco, licenciou-se em Medicina na Universidade de Lisboa e especializou-se em Hematologia Clínica. A par da sua atividade médica desenvolveu o seu interesse pela culinária e em especial por livros antigos dedicados a este tema. Como estudiosa da gastronomia, descobriu o gosto pelas artes decorativas no que respeita à mesa, e da conciliação destes interesses surgiu a vontade de investigar a História da Alimentação em Portugal. Publicou um estudo sobre cozinhas senhoriais em Portugal intitulado Cozinhas. Espaço e Arquitectura. Em 2010 colaborou no livro A Mesa dos Reis, escrevendo o capítulo «Ofícios de Boca na Casa Real Portuguesa (Séculos XVII e XVIII)».


Título: Amar e cuidar
Autor:
Maria Elisa Domingues
Colecção: Saúde
P.V.P: 18,50 €
Páginas: 270

Lançamento no dia 18 de Setembro, 18h30. El corte inglés. Apresentação por Maria Antónia Palla e José Manuel Silva, bastonário da Ordem dos Médicos
«Este livro é uma obra de partilha, de abnegação, de solicitude. Escrito com a inteligência do coração e a preocupação pela simplicidade de transmitir e a acessibilidade de dizer (…). É o resultado da sua experiência pessoal como filha e cuidadora e o minucioso acervo que, enquanto experiente e exigente profissional, soube extrair de testemunhos pungentes e, não raro, de impressivos intimismos.» 
Bagão Félix, in Prefácio

«(…) Uma viagem pelo mundo, ou pelo sub-mundo do cancro, a doença que nos habituámos a associar à morte e que, por isso, provoca em nós um abalo sísmico, às vezes até, uma alteração da personalidade. (…) A maior parte dos cancros, quando detectados a tempo, são curáveis, como todos sabemos. O livro mostra, aliás, ao lado de alguns insucessos, muitos êxitos da Medicina. Eu próprio sou doente oncológico há anos e aqui estou a testemunhar que há sempre lugar para a esperança. É preciso acreditar.» António Arnaut, in Prefácio

A jornalista Maria Elisa Domingues leva-nos neste livro numa viagem ao mundo do cancro. A palavra entrou na sua vida devido ao cancro da mama da mãe. Do choque da notícia, à decisão do tratamento, a cirurgia, a comunicação com os médicos, as dificuldades que sentiu enquanto cuidadora. Uma realidade que atinge centenas de milhares de portugueses, entre doentes, familiares e amigos.
Num trabalho emotivo e cuidado, Maria Elisa conversou com médicos, enfermeiros, técnicos, voluntários e dá voz à história de 16 doentes oncológicos e suas famílias. Relatos que nos fazem pensar, alguns deles chorar, outros que nos fazem ter esperança…


Sobre a autora:
Maria Elisa Domingues nasceu em Lisboa em 1950. Fez o curso do liceu no D. Filipa de Lencastre e ingressou na Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, onde estudou dois anos, ao mesmo tempo que frequentava o Curso de Teatro do Conservatório Nacional. Tendo entrado para a RTP por concurso público, em 1973, decidiu estudar Jornalismo em França. Como bolseira, frequentou uma das mais prestigiadas escolas francesas, o Centre de Formation des Journalistes, em Paris, entre 1974 e 1976 e desde então desenvolveu uma longa carreira, em particular na RTP, onde apresentou o Telejornal, concebeu e apresentou inúmeros programas de informação. É colaboradora regular da imprensa escrita, tendo publicado centenas de crónicas, reportagens e entrevistas, nomeadamente no Diário de Notícias, Público, Expresso, Visão, Máxima. Lançou a revista Marie Claire, criou e dirigiu o Serviço de Comunicação da Fundação Calouste Gulbenkian (1995-1998)


Título: Psicóloga de Família
Autor:
Sofia Nunes da Silva
Colecção: Psicologia
P.V.P: 17 €
Páginas: +- 288

Lançamento no dia 25 de Setembro, 18h30. El corte Inglés. Apresentação por Teresa Goldschmidt e Jacinto Lucas Pires


«Este livro não é mais um manual de autoajuda. Propõe - sem o afirmar de modo explícito- uma nova forma de viver para as crianças e suas famílias. Sofia Nunes da Silva aproxima-nos do quotidiano familiar e centra a sua análise no comportamento dos mais novos e seus pais, privilegiando sempre o olhar atento, a compreensão do outro e o respeito recíproco entre todos. Não dá muitas sugestões, mas obriga a pensar e a encontrar alternativas, afinal a missão que deve competir a um psicólogo clínico.»
Daniel Sampaio, in Prefácio
Ninguém nasce ensinado para ser Mãe, Pai ou Filho. Contudo, «Ser Família» é dos melhores, mais gratificantes e apaixonantes projetos que podemos ter na vida! Quem o garante é a psicóloga clínica Sofia Nunes da Silva que, neste livro original e prático, nos fala das muitas fases, mais ou menos exigentes, que pais e filhos partilham ao longo da vida, desde que o casal se forma, até tomar a decisão de ter um filho, o nascimento, a entrada na escola, o nascimento dos irmãos, as birras, a rotina do dia a dia, as dificuldades na educação, as crises conjugais e, muitas vezes, a chegada do divórcio.
No mundo atual, em mudança, pautado por uma crise económica, laboral e social é fundamental aprender a gerir todas as etapas da vida familiar de forma positiva.
- Como gerir a vida de casal
- Aprenda a estabelecer um diálogo assertivo e tranquilo com os seus filhos
- Como podemos estabelecer regras e fazer com que sejam cumpridas
- Como gerir a rotina e o dia a dia
- Reconheça os medos e as preocupações dos seus filhos

Sofia Nunes da Silva dá-nos exemplos práticos e pistas fundamentais para pensarmos sobre estes temas e encontrarmos a nossa forma de sermos melhores pais.

Sobre o autor:
Sofia Nunes da Silva é licenciada em Psicologia com especialização em Psicologia Clínica e de Aconselhamento e mestre em Sexologia Clínica pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Terapeuta Familiar e Membro Efetivo da Sociedade Portuguesa de Terapia Familiar. Trabalha na Unidade de Psiquiatria da Infância e da Adolescência do Departamento de Pediatria do Hospital de Santa Maria e no Hospital da Cruz Vermelha Portuguesa. Desenvolve o seu trabalho clínico na vertente de Consulta Externa e de apoio ao Internamento com crianças, adolescentes e suas famílias.

Título: Parto Feliz
Autor: Marcela Forjaz
Colecção: Manuais e Guias
P.V.P: 21 €
Páginas: +- 352

O parto é o final de uma longa caminhada de nove meses. O momento mais feliz para os pais que aguardam a chegada do seu tão desejado filho. Mas é também um momento de grandes dúvidas. Para que viva este momento único com toda a tranquilidade e segurança, a ginecologista e obstetra Marcela Forjaz, autora de O Grande Livro da Grávida, responde a todas as suas questões:


- Devo fazer preparação para o parto? A minha amiga diz que o toque é muito doloroso, é verdade? Posso tomar algumas medidas para tornar o parto mais fácil? O parto deve ser induzido? Quais os sinais de que devo ir para a maternidade? O que são as contrações? Estou grávida de gémeos, posso ter um parto natural? A minha amiga fez uma episiotomia, também vou ter de ser cortada? Devo amamentar? Como posso recuperar a minha forma física? Como devo preparar o meu regresso ao trabalho?
Estas e muitas outras dúvidas são esclarecidas neste livro completo e prático, com ilustrações, casos reais, conselhos úteis, exercícios de respiração e meditação, que vão tornar o seu parto num momento único e feliz.


Sobre a autora:
Marcela Forjaz nasceu em Lisboa a 6 de Maio de 1965, mas passou a infância em Moçambique, em Lourenço Marques. Formou-se em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas (FCML) de Lisboa em 1989 e terminou a especialidade de Ginecologia/Obstetrícia em 1998, no Hospital de São Francisco Xavier. Foi Assistente Convidada na cadeira de Clínica Obstétrica e Ginecológica (6º ano do curso de Medicina, na FCML) entre 1998 e 2005 e nesse ano abandonou o serviço público para se dedicar apenas à actividade privada. Em 2008, publicou um livro dedicado às grávidas Entre Barrigas. No ano seguinte publicou o livro infantil Nunca Unca, no âmbito do 50º aniversário da Declaração dos Direitos da Criança, dedicado à integração das crianças imigrantes.

 


Novidade Albatroz: "Conversas com a Humanidade"

Título: A mudança está dentro de si
Autores:
Neale Donald Walsch
Tradução: Cristina Correia
Págs.: 288
Capa: mole com badanas
PVP: 15,50 €


Neale Donald Walsch tornou-se conhecido à escala mundial com a série Conversas com Deus, que vendeu milhões de livros no mundo inteiro e dezenas de milhares em Portugal. A mudança está dentro de si, que a Albatroz publica a 27 de setembro, inaugura uma nova série do autor, intitulada Conversas com a Humanidade.
De resto, a primeira coleção está na génese desta segunda, na qual o autor alarga a todas as pessoas o diálogo que iniciou com Deus. Em A mudança está dentro de si, Neale Donald Walsch propõe uma nova forma de espiritualidade, a única capaz de travar a crise atual.
O autor é bestseller do The New York Times e está traduzido em 37 línguas.


Sinopse:
Os tempos são difíceis. Atingimos limites e percebemos com clareza que a forma como temos vivido não é a acertada.
A boa nova é que tem em mãos as respostas para um amanhã melhor, abandonando velhas crenças e mudando formas de pensar. Partindo das conversas que, durante anos, teve com Deus, Neale Donald Walsch vai agora mais longe: convoca a Humanidade para um processo de mudança radical dos tempos atuais.
Só um diálogo aberto ao mundo poderá criar a vida que sempre idealizámos e para a qual viemos a este planeta. Conheça, com a ajuda do incontestável mestre da espiritualidade, as respostas às sete perguntas básicas que lhe devolverão a felicidade plena.
Porque não iniciamos em nós a mudança que queremos ver no mundo?


Sobre o autor:
Neale Donald Walsch é autor bestseller do New York Times, as suas obras estão traduzidas para 37 línguas e vendeu mais de 7 milhões de livros por todo o mundo.
Fundou a ReCreation, uma organização não lucrativa de eventos com vista ao desenvolvimento pessoal e espiritual, a Conversations with God Foundation e o movimento Humanity’s Team, cujo objetivo fulcral é criar uma nova forma de espiritualidade na Terra.
É autor da coleção de sucesso, também publicada em Portugal, Conversas com Deus. A mudança está dentro de si é o primeiro livro da nova coleção: Conversas com a Humanidade.
www.nealedonaldwalsch.com

Novidades Presença para a 2.ª quinzena de Setembro

Título: O Inverno do Mundo - Livro II
Autor: Ken Follett
P.V.P.: 25,20 €
Coleção: Grandes Narrativas
Nº na Coleção: 533
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4876-8
Nº de Páginas: 832
Sinopse: Este volume vem dar continuação à extraordinária trilogia de Ken Follet, O Século, depois do êxito internacional alcançado pelo volume inaugural, A Queda dos Gigantes. A história recente do conturbado século XX continua a desenrolar-se como se diante dos nossos olhos, as figuras históricas e os acontecimentos reais evoluindo e decorrendo em simultâneo com as vidas da segunda geração das cinco famílias que já protagonizaram o primeiro volume, misturando-se num grandioso e colorido fresco em amplas pinceladas que, graças a uma rigorosa fundamentação e a um talento narrativo raro, se encaixam numa totalidade cheia de vida realismo. O Inverno do Mundo decorre entre a ascensão do nazismo e as suas dramáticas consequências até ao início da Guerra Fria.  

Título: As namoradas do meu marido
Autor: Bridget Asher
P.V.P.: 13,41 €
Nº na Coleção: 50
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4877-5
Nº de Páginas: 208
Sinopse: Quando Lucy Shoreman descobre que o seu encantador e infiel marido está às portas da morte, agarra na agenda secreta que ele possuía e decide telefonar às suas amantes a convidá-las para uma última visita, sem pensar que terão de facto coragem para a fazer. Mas assim que elas começam a aparecer uma a uma, Lucy sabe que as surpresas não se vão ficar por aí... As Namoradas do Meu Marido é uma comédia romântica que lança um olhar perspicaz sobre o casamento, as relações familiares, a amizade... e sobre o perdão inesperado que pode mudar a nossa vida para sempre.  

Título: Deus Existe?
Autor: Pe. Carreira das Neves
P.V.P.: 16,74 €
Coleção: Destaques
Nº na Coleção: 66
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4813-3
Nº de Páginas: 448
Sinopse: Durante muito tempo considerou-se que as religiões desapareceriam sob a égide da razão, à medida que as sociedades se tornassem mais desenvolvidas. Em vez disso, num mundo agora globalizado e tecnologicamente avançado, multiplicam-se as manifestações da vida religiosa, assistindo-se mesmo à revitalização de crenças consideradas primitivas, que integraram o movimento New Age. O Pe. Carreira das Neves, padre franciscano, teólogo e Professor, revisita as grandes religiões que têm prevalecido ao longo dos séculos e aprofunda movimentos que têm surgido mais recentemente, reclamando-se de inspiração divina. Deus Existe? é um livro magnífico e inovador, capaz de aliciar um vasto público de crentes e não crentes interessados em aprofundar o seu conhecimento do património espiritual da humanidade.

Título: A Vida Louca dos Presidentes de Portugal
Autor: Orlando Leite; Raquel Oliveira e Sónia Trigueirão
P.V.P.: 15,75 €
Editora:
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-989-84-7052-2
Nº de Páginas: 244
Sinopse: De tudo se encontra em A Vida Louca dos Presidentes de Portugal. Poetas e escritores, crentes e ateus, bem casados e adúlteros, mal-amados e nas graças do povo, com uma legião de herdeiros e também com filhos ilegítimos, que destruíram as suas famílias, mas também aqueles que as souberam honrar e ainda as mulheres fortes que fizeram desses presidentes verdadeiras figuras políticas.

Histórias, lutas, gafes, escândalos, paixões.
Descubra os homens que, desde 5 de outubro de 1910 até aos dias de hoje, construíram e erigiram a República portuguesa.  



Título: A Vida Louca dos Reis e Rainhas de Portugal
Autor: Orlando Leite; Raquel Oliveira e Sónia Trigueirão
P.V.P.: 15,75 €
Relançamento
Editora:
Data 1ª Edição: 01/07/2011
Nº de Edição:
ISBN: 978-989-84-7013-3
Nº de Páginas: 232
Sinopse: Descubra A Vida Louca dos Reis e Rainhas de Portugal. Reis dados a saias e com amantes mas que, apesar dos deleites mundanos, amaram suas esposas. De distintas inclinações sexuais. Tarados, cumpridores ou simplesmente indiferentes ao tema.
Rainhas fanáticas e tiranas. Sedutoras e ninfomaníacas. Vingativas, manipuladoras, cruéis e sem escrúpulos. Rainhas de gostos variados nas relações e na intimidade. Reis que mataram inimigos e depois lhes trincaram os corações.
Reis que recusaram pagar os impostos ao papa porque o povo não tinha dinheiro. Rainhas vítimas do mau génio do marido. Rainhas que morreram sós e na miséria. Supersticiosas. Que tinham visões e ouviam vozes quando estavam sozinhas.

Dívidas, burlas, paixões, grandes conquistas, amores impossíveis, traições, assassínios e escândalos. Os episódios escondidos pelos relatos oficiais.

Título: Guia Popular de Vinhos 2013
Autor: Aníbal Coutinho e Neil Pendock
P.V.P.: 8,99 €
Coleção: Diversos
Nº na Coleção: 54
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4874-4
Nº de Páginas: 188
Sinopse: Com o Guia Popular de Vinhos 2013 Aníbal Coutinho vem uma vez mais corresponder às expectativas do público. Prático, fácil de consultar, nele o leitor sabe que irá encontrar propostas e comentários úteis para a seleção do vinho mais adequado a cada situação com a certeza de qualidade dada por um provador profissional. Uma ajuda inestimável, que orienta o leitor na escolha de um bom vinho, com um preço justo, entre os 2 e os 10 €. Prove vinhos de qualidade, de norte a sul de Portugal, seguindo a criteriosa seleção que este guia lhe oferece. 


Título: Manual de Nutrição Infantil
Autores: João Breda, Ana Rito e Ana Lúcia Silva
P.V.P.: 14,35 €
Editora:
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-989-84-7034-8
Nº de Páginas: 144
Sinopse: Composto por atividades, fichas práticas, dicas, imagens apelativas, e todas as informações que deve saber sobre nutrição infantil, este livro é um instrumento único para os vários públicos a que se destina: pais, professores e alunos.
Com o Manual de Nutrição Infantil a tarefa de educadores e educandos será muito mais facilitada e até mais divertida no que toca a falar sobre nutrição infantil. Um tema cada vez mais importante no crescimento dos seus filhos e dos seus alunos e durante o seu processo de aprendizagem.Pois de pequenino se torce o pepino! E se aprende a comer bem!
 

Título: Resumo Essencial de Matemática A
Autor: António Pampulim; Jorge Luz e Fátima Delgado
P.V.P.: 10,35 €
Nº na Coleção: 14
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4890-4
Nº de Páginas: 204
Sinopse: Uma equipa de professores com larga experiência experiência de preparação de docentes do 12º ano da disciplina de Matemática A, para a prestação de todo o tipo de provas, é responsável por este manual de apoio sintetizado de forma exemplar. Resumo Essencial de Matemática A – 12º Ano é um manual imprescindível para o estudo dos conteúdos do programa em vigor: Análise Combinatória e Probabilidades, Funções Exponenciais e Logarítmicas, Limites e Continuidade, Derivadas, Trigonometria e Números Complexos.  

Título: George e o Big Bang
Autor: Stephen Hawking e Lucy Hawking
P.V.P.: 12,51 €
Coleção: Diversos
Nº na Coleção: 158
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4878-2
Nº de Páginas: 308
P.V.P.: 12,51 €
Sinopse: «A nossa história começa há 13,7 mil milhões de anos...»

Viaja pelo universo com George e descobre...

Como conduzir um veículo lunar
O que fazer quando viajas até Andrómeda
E o que aconteceu meras frações de segundo após o Big Bang

Uma aventura trepidante, recheada de factos reais sobre o espaço e o cosmos, de Lucy Hawking e Stephen Hawking, génio da ciência intergaláctica!

 

Título: A Ação da Física na nossa vida
Autor: Maria Teresa Escoval
P.V.P.: 13,41 €
Nº na Coleção: 6
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4737-2
Nº de Páginas: 260
Sinopse: A Ação da Física na Nossa Vida surge tem como objetivo demonstrar e explicar, de forma acessível a todos os leitores, como a física ocupa um lugar tão preponderante no nosso quotidiano. Exemplo disso é o funcionamento de objetos como o rádio, o telefone, o micro-ondas, a televisão ou os raios laser, que se torna possível através do conhecimento dos conceitos físicos subjacentes. Pretende-se assim estimular a aprendizagem das ciências e o espírito inquisitivo a partir desta perspetiva abrangente e apelativa.  



Título: A Ação da Química na nossa vida
Autor: Maria Teresa Escoval
P.V.P.: 9,90 €
Relançamento
Nº na Coleção: 4
Data 1ª Edição: 14/09/2010
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4425-8
Nº de Páginas: 192
Sinopse: Embora nem sempre tenhamos plena consciência disso, a química tem uma presença e uma ação constantes na nossa vida, desempenhando múltiplos papéis nas mais diversas áreas. Pretendendo incentivar o gosto pela ciência, esta obra dá a conhecer ao grande público uma parte da química que entra no nosso quotidiano – na imagiologia médica, nos agentes de limpeza domésticos, nos alimentos, na luz e na cor, ou ainda, nos aspetos químicos da visão humana – baseando-se em dados científicos, mas adotando uma abordagem extremamente acessível ao leitor que não domina esta área do conhecimento. A Ação da Química na Nossa Vida inclui ainda um capítulo consagrado aos primórdios da Química em Portugal e um glossário.  

Título: O Estranho Caso do Rato Desafinado
Autor: Geronimo Stilton
P.V.P.: 8,06 €
Coleção: Geronimo Stilton
Nº na Coleção: 51
Data 1ª Edição: 18/09/2012
Nº de Edição:
ISBN: 978-972-23-4882-9
Nº de Páginas: 128
Sinopse: «Com a ajuda do meu amigo Rataldo Rock participei no Festival da Canção e... que êxito extrarrático! Em Ratázia todos cantarolam o meu tema, mas os CD não se vendem. Parece mesmo um estranho caso… um caso para o Abelhudo Tchiit. Juntos, enfrentaremos um pérfido felino que anda por Ratázia a bordo duma misteriosa caravana!»