quarta-feira, 19 de junho de 2013

Maria dos Canos Serrados - Ricardo Adolfo [Opinião]

Título: Maria dos Canos Serrados
Autor: Ricardo Adolfo
Edição/reimpressão: 2013
N.º de Páginas: 214
Editor: Alfaguara Portugal

Sinopse:
Maria dos Canos Serrados é a história de uma moça de má rês que se torna pior ainda. Arredores de Lisboa. Maria, vinte e muitos, adora a igualdade de liberdades, seu namorado gigolô, as noites intoxicadas com as amigas e a ideia de vir a ser directora. Mas, de um dia para o outro, vê-se desamada, despedida e falida. E, entre resignar-se ou virar a mesa, Maria decide acertar contas de arma em punho.


Contada de rajada na primeira pessoa, Maria dos Canos Serrados é uma história desbocada, nascida da Grande Crise. Uma reflexão sobre a nova mulher, que não precisa de um Clyde para ser Bonnie.

A minha opinião:
Apesar das excelentes críticas que li acerca do novo livro de Ricardo Adolfo, não consegui lê-lo até ao fim.

E não se pense que não gostei do livro pelos milhentos palavrões que fui lendo. Nada disso.

Apesar de escrito quase como um diário, andei um pouco perdida no meio dele, achei que apesar da ideia ter sido engraçada, não consegui prender-me a nenhuma das personagens.

No entanto, achei engraçada a ideia de que apesar de ter sido despedida de uma grande empresa, Maria consegue desenvencilhar-se muito bem, lutando pelos seus direitos.

Maria,“uma moça de má rês que se torna pior ainda” a viver nos subúrbios de Lisboa, com um namorado gigolô negro, é uma figura caricata, que cuja vida é retratada na perfeição e que deve encaixar em muitas vidas pelo Portugal fora.

Apesar de ter sido elogiado por grandes nomes da literatura portuguesa, a sua breve leitura não me encheu as medidas.


Sem comentários: