quarta-feira, 24 de julho de 2013

... segundo Mafalda - Quino [Opinião]


Mafalda é a famosa personagem feminina criada pelo autor argentino Quino, a qual se "estreou" a 29 de Setembro de 1964 no semanário Primera Plana, tendo surgido pela primeira vez em Portugal seis anos depois. Com um olhar terno, perspicaz e simultaneamente crítico, Mafalda, uma criança de seis anos de idade, filosofa, detesta sopa, adora os Beatles e questiona-se - e questiona-nos - sobre a realidade que nos rodeia.

A minha opinião:
Lembro-me de ler BD da Mafalda ainda miúda. Tinha, inclusive, agendas de vários anos da pequena esperta criada por Quino que me acompanhavam por toda a parte. Daí não me espantar por ficar vidrada e constatar o quão actual continua Mafalda. Com uma crítica mordaz, a pequenita lá vai mostrando o que pensa do mundo, da vida política, dos próprios pais e do futuro. Em quatro livros alusivos à paz, aos pais, à crise e à política, Mafalda discorre sobre o que lhe vai na alma, estabelecendo diálogos com os seus habituais amigos, com os pais e até com Gui, o seu irmão mais novo. 
A Sábado associou-se à Asa e comemorou em pleno os 50 anos desta personagem tão famosa, brindando os leitores da revista com estes quatro livros grátis. 
Diverti-me imenso com a tiradas da pequenita. Foi uma tarde bem passada. 
Mais iniciativas destas precisam-se, para bem dos leitores ;)   

Sem comentários: