quarta-feira, 13 de novembro de 2013

O Golpe - Janet Evanovich [Opinião]

Título: O Golpe
Autor: Janet Evanovich
Edição/reimpressão: 2013
Páginas: 320
Editor: TopSeller
PVP: 17,49€
Sinopse:
Ela é uma detetive implacável. Ele é um vigarista procurado. Juntos são a arma secreta do FBI para investigar o golpe perfeito. Kate O’Hare é uma das melhores agentes do FBI. Nick Fox é um vigarista genial, presente na lista dos Dez Mais Procurados do FBI. Ela raramente falhou um caso — a exceção é Nick, que sempre escapou à sua vigilância enquanto aplicava inacreditáveis golpes de alto risco a milionários. Eles sentem-se atraídos um pelo outro: ela é teimosa e exigente, ele é charmoso e imaginativo.
Juntos, e com uma equipa de vigaristas amadores reunida por Nick, vão montar um golpe genial para capturar um investidor corrupto que fugiu com 500 milhões de dólares e que se esconde numa das 17 mil ilhas da Indonésia. Entre uma forte atração mútua, problemas de liderança e choques de personalidade, será que esta dupla improvável irá ser bem-sucedida? 
A minha opinião: 
Kate O' Hare e Nick Fox forma uma dupla improvável. Kate é detective do FBI e Nick é um dos vigaristas mais procurados pelo FBI. O que move Kate é capturar Nick e quando o consegue pensa que finalmente conseguiu tudo o que queria. Nem imagina é que terá de fazer dupla com ele para tentarem capturar um vigarista ainda maior: um investidor corrupto que desviou cerca de 500 milhões de dólares. A única coisaque sabe é que ele se encontra refugiado numa das 17 mil ilhas da Indonésia, a viver uma vida de sonho.

Já conheço Janet Evanovich de uma outra série, Stephanie Plum, uma série cuja dose de humor é bem mais evidente. Talvez por este livro ter a colaboração de um outro autor, Lee Goldberg (que não conheço), a narrativa é mais sóbria e mais séria. No entanto, vê-se claramente que ainda tem a mão de Janet que lhe impõe uma certa dose de humor em algumas cituações, nomeadamente na protagonista, eternamente desastrada com a comida.

Atraídos um pelo outro, apesar de não o demonstrarem claramente, Nick e Kate vão formar uma equipa implacável para capturarem o criminoso. Usando a sua experiência na área do crime, Nick escolhe a dedo a sua equipa, desde uma cinquentona perita em conduzir qualquer tipo de veículo, a uma construtor de casas de madeira falido. Personagens com particularidades engraçadas que tornam ainda mais interessante o desenrolar da acção.

Gostei do primeiro livro desta colecção, mais contido e sério do que a de Plum, que por vezes se torna um pouco superficial. De leitura fácil, capítulos curtos e com bastante acção este é o livro perfeito para os fãs de policiais, com pouco sangue à mistura.


Sem comentários: