sexta-feira, 11 de dezembro de 2015 | By: Maria Manuel Magalhaes

Bruno Vieira Amaral para o último “Porto de Encontro” de 2015

 Recentemente distinguido com o Prémio José Saramago, Bruno Vieira Amaral vem ao Porto para uma conversa aberta com os leitores.
No próximo domingo, 13 de dezembro, pelas 17:00, na Casa das Artes, realiza-se a 41.ª edição do “Porto de Encontro”, a última de 2015. O convidado é o escritor Bruno Vieira Amaral, distinguido há poucas semanas com o Prémio José Saramago, sendo de destacar a participação especial do editor e escritor Francisco José Viegas. A conversa será moderada, como habitualmente, pelo jornalista Sérgio Almeida, e as leituras serão da responsabilidade de Ana Celeste Ferreira.
Bruno Vieira Amaral nasceu em 1978. Formado em História Moderna e Contemporânea pelo ISCTE, é crítico literário, tradutor, bloguer (“Circo da Lama”) e autor de Guia Para 50 Personagens da Ficção Portuguesa e Aleluia. Em 2002, uma temerária incursão pela poesia valeu-lhe ser selecionado para a Mostra Nacional de Jovens Criadores. Colaborou no “DN Jovem”, revista “Atlântico” e jornal “i”. Atualmente colabora com a revista “Ler” e é assessor de comunicação das editoras do Grupo Bertrand Círculo.
O seu primeiro romance, As Primeiras Coisas, foi considerado livro do ano em 2013 para a Revista “Time Out” e foi distinguido com o Prémio PEN CLUBE Narrativa, Prémio Literário Fernando Namora e Prémio Literário José Saramago 2015.
Desde Novembro de 2011, o Porto de Encontro” já promoveu sessões com autores como Gonçalo M. Tavares, Luis Sepúlveda, Richard Zimler ou José Tolentino Mendonça que, no seu conjunto, atraíram mais de 12 mil espectadores.
Esta edição do “Porto de Encontro” conta com a colaboração da Direção Regional de Cultura do Norte e tem o apoio do Jornal de Notícias, Antena 1, Porto Canal e das Livrarias Bertrand.
Esta iniciativa está a ser divulgada no sítio do Porto de Encontro, em http://www.portoeditora.pt/portodeencontro, e na página Facebook https://www.facebook.com/PortodeEncontro.

quinta-feira, 10 de dezembro de 2015 | By: Maria Manuel Magalhaes

Atenção Beja: Conversas à volta do livro "Em teu ventre" de José Luis Peixoto


Sessão de lançamento do livro "Os Homens Nunca Saberão Nada Disto", de Pat R


quarta-feira, 9 de dezembro de 2015 | By: Maria Manuel Magalhaes

Escritora brasileira, Luize Valente, em Portugal para promover "Uma Praça em Antuérpia"


A Saída de Emergência convidou a reconhecida escritora brasileira Luize Valente para vir a Lisboa nos dias 14 e 15 de Dezembro falar sobre o livro Uma Praça em Antuérpia. Um romance sobre a segunda guerra Mundial descrito pelos olhos de duas irmãs gémeas portuguesas. Para escapar da sombra nazi que vai devorando a Europa, a família de uma das gémeas conta com a ajuda de Aristides de Sousa Mendes, o cônsul que salvou milhares de vidas emitindo vistos para Portugal, em 1940, enquanto actuou em Bordéus, França.

Uma vez que este livro descreve tão bem a actuação do Cônsul Aristides Sousa Mendes em prol dos refugiados, António Moncada de Sousa Mendes, neto do Cônsul, convidou a autora para estar presente na inauguração da Casa Aristides Sousa Mendes em Cabanas do Viriato, no dia 13 de Dezembro. Por ocasião da abertura oficial da Casa do Cônsul a editora fará a apresentação pública do livro Uma Praça de Antuérpia.